Poemas, frases e mensagens de Evandro_rodrigues

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de Evandro_rodrigues

os famosos otarios

 
Os famosos otarios

Sao chamadas as pessoas que abrem mao de si em prol do proximo se desprender do egocentrismo abrir mao de si para o bem comum e uma virtude quase extinta no mundo sao raras as pessoas que tem essa qualidade mas sao chamados de otarios por pessoas pequenas que nao entendem a grandeza desse ato quando na verdade deveriam ser chamados de verdadeiros seres humanos
 
os famosos otarios

Eu voce e a caneta

 
Ora amigo papel
Receba meus lamentos desse mundo cruel
Desculpe mas Minha mao escreve apenas o gosto amargo do fel
Receba esse desabafo do seu amigo intimo
Amigo que lhe confia os segredos que mantenho escondido
Segredos confessados em letras
Que ficara entre eu voce e a caneta
E juntos levaremos essa bela sintonia
Nesse trio solitario encontramos companhia e dessa cumplicidade... faremos poesia

Essa e uma das relaçoes mais perfeitas que existem entre a folha a caneta e o poeta pq o que os une e o sentimento que sai do poeta transformado em palavras pela caneta e ficara eternizado na folha nada podera romper esse laço pois aqui so ha amor e nenhum interesse material
 
Eu voce e a caneta

melanina e cores

 
Estaremos sempre dividos enquanto a melanina na pele nos olhos e no cabelo for motivo de preconceito estaremos dividos enquanto o que dita meu carater for minha cor estaremos dividos enquanto o que dita meu intelecto for a cor do meu cabelo devemos aprender com o arco iris cores lado a lado iguais sem uma se sobrepor sobre a outra o preto e ausencia de cor por isso representa o luto pois nos atacamos e quando todos morrermos nao havera mais nossas cores no mundo e o mundo vivera em um luto profundo e a mistura de todas as cores formam o branco que representa a paz isso quer dizer que quando todos nos nos misturarmos sem diferença alguma encontraremos a paz
 
melanina e cores

mulher

 
Mulher teu sentimento tao grandioso de amor se reflete nas dores do parto
Pois apenas um amor incondicional poderia sentir tanta dor para dar a luz ao filho que so no seu ventre encontrou o verdadeiro afago
 
mulher

a viagem

 
Certa vez estava cansado de viver aqui onde tudo e rude
Entao caminhando encontrei uma porta caida
Abri a porta e vi um lugar com virtudes
Rios mares oceanos ceu vasto de cores nuvens com diversas formas e florestas cheias de vida
Onde as cigarras faziam serenatas onde o sol e a lua dançavam
mares as vezes calmos refletiam o ceu no espelho dagua onde as gaivotas em pleno voo se admiravam
O vento assobiava notas musicais como um choro de flauta
Uma arreia fina e branca acariciava a sola dos pes que caminhava descalça
Havia uma cachoeira que era a fonte de conhecimento e sabedoria
Tomei um banho absorvendo tudo que podia
E sai de um lugar nocivo
quando me dei conta que viaja quando lia
Ai percebi que tinha aberto nao uma porta e sim uma capa e que o mundo que via era dentro das paginas de um livro
 
a viagem

E mais nada...

 
Te amarei de janeiro a janeiro
Andarei milhas atras do sorriso derradeiro
Que me enviaste em pensamento e se perdera
Na imaginaçao fertil darei o ultimo suspiro lendo o que me escrevera
Um simples adeus e mais nada...
 
E mais nada...

para onde foi a alegria ?

 
Para onde foi a alegria ?
Que te acompanhou pelo breu dessas ruas frias
Em seus olhos apaticos choram acordes dramaticos sem melodia
Pelo seu sorriso ja nao vejo mais poesia
Neste imaculado papel
Escrevo versos ao leu
Para despi la do luto que habita neste veu
Acaricio sutilmente a caneta
Para que seu sorriso traga de volta alvorada na madrugada opaca que encobre este planeta

Para onde foi a alegria ?
Deixou me para te fazer compania
Pois viu que era mentira enquanto meu labio sorria
E se encontra distante neste mundo gigante espero por tua chegada um dia
 
para onde foi a alegria ?

escrever

 
Escrever apazigua as dores alivia meu coraçao desafoga minha mente o papel e a caneta se tornam meus aliados contra a solidao pois estao comigo nos sorrisos e nas lagrimas sao meus verdadeiros amigos para quem eu posso realmente desabafar
 
escrever

empatia

 
Choro sinto expresso me pois todo sentimento contido neste singelo corpo pede liberdade deste grilhao
Me esvazio pois como calice cheio transbordarei derramando lagrimas ao chao
Deixarei voar ao leu todo pensamento declamarei toda palavra ao relento deixando versos correrem nas aguas da imaginaçao
Para que a mente esteril seja fertil para que corpos vazios carreguem alma fazendo com que o sentimento chegue incolume a outro coraçao

A empatia e a melhor forma de conhecer o proximo entender suas emoçoes e de ver o mundo com os seus olhos
 
empatia

Estamos caminhando na contra mao

 
Damos tanto valor ao material que impossibilitamos a nos mesmos de viver em paz.
Caminhamos na contra mao de nossos sonhos queremos paz mas praticamos guerras queremos acalento mas praticamos indiferença queremos comodidades mas destruimos o mundo em que vivemos e assim tambem nos destruiremos pois nao somos menos nem mais somos parte da natureza e para encontrarmos a paz temos que praticar o amor acima de tudo
 
Estamos caminhando na contra mao

o verdadeiro guerreiro

 
Sou um guerreiro desarmado levo apenas armadura e escudo
Abandonei a espada adormecida no intrinseco da alma para jamais atacar outro ser e impor outra vez o luto
Impus meu escudo sobre minha espada
Pois meu maior inimigo e o odio que em mim habita germinando regado a magoa
Encaro meu semblante no espelho dagua
Olhos profundos expressam furia
Sorrir nesse momento e a maior das injurias
Tiro o capacete que estreita minha visao
O suor frio cai distorcendo o reflexo do intrinseco da sombridao
Entao visto minha armadura apanho meu escudo e saio pela porta da casa de palha
Sem minha espada levando amor esperança e paz para vencer cada batalha

O verdadeiro guerreiro ganha primeiro sua batalha interior fazendo seu amor triunfar sobre seu odio e antes de tudo ele impoe seu escudo antes de erguer sua espada
 
o verdadeiro guerreiro

uma visao mais ampla

 
Temos que ter uma visao de totalidade enxergar um todo e nao apenas a si mesmo ter uma visao mais ampla do que somos e do mundo em que habitamos ter noçao que nossas atitudes negativas destroem nao so o planeta nao so o proximo mas principalmente a nos mesmos
 
uma visao mais ampla

luzes

 
Luzes

Enquanto estivermos no mundo nos seremos a luz do mundo
Nossas almas emanam luzes vindo de nossa essencia mais pura criada quando ainda nao tinhamos consciencia material ganancia ou odio hoje essa luz e escassa e a encontramos como vagalumes na selva como lampejos de luz infelizmente o mundo vive num eclipse mas quando encontrarmos nossa luz interior nossos raios florescerao e aquecerao o coraçao gelido a aurora de nossas almas darao cores as faces palidas e nosso brilho tornara este mundo um lugar melhor para vivermos em harmonia uns com os outros e com nos mesmos
Entao...muita luz para nos
 
luzes

mesmo que nao tenha amor tenha respeito

 
Mesmo que nao temos amor ao proximo temos que ter respeito pois respiramos o mesmo ar bebemos a mesma agua pisamos no mesmo solo e o motivo que pulsa o seu coraçao tambem e o motivo que pulsa o meu o de viver
 
mesmo que nao tenha amor tenha respeito

onde esta o raciocinio ?

 
E estranho que os animais irracionais vivem em harmonia com a natureza e compactuam com seu crescimento enquanto os animais racionais a destroem querendo impor seu dominio sobre ela extinguindo seus recursos
Onde esta o raciocinio ?
 
onde esta o raciocinio ?

ouço vozes

 
Ouço vozes

Ouço vozes gemidos e gritos
Pedidos de socorro correntes arrastando em um caminhar sofrido
Gritos e estralos de chicotes assassinam o silencio da noite
Mais uma alma foi morta no tronco a chibatadas no açoite
Vejo a esperança enforcada
Os sonhos esquartejados pelas ruas banhadas em maculas
Novas vitimas acorrentadas
Velhos corpos morrem olhando a liberdade pelas grades da senzala
Escuto a dolencia de um berimbau em choro
Ouço vozes com gingado sobre o solo de uma corda so e varios pedidos de socorro
 
ouço vozes

a flor que chorava pelo bosque

 
Num canto opaco do mundo esquecida nas trevas do bosque onde o sol nao batia
Longe de tudo isolada da civilizaçao o silencio pairava na solidao compondo com o assobio do vento uma melancolica sinfonia
Ali habitava uma pequena flor de rara beleza solitaria na relva o orvalho da manha demonstrava sua magoa
Longe do calor do sol ela aquecia sua alma aflita com esperança e era regada apenas com lagrimas das nuvens carregadas de agua
Assim era sua vida solitaria...

Certo dia um pequeno escritor passeava pelo bosque procurando inspiraçao para seu poema
E no meio de uma clareira entre arvores secas ele avistou um vulto que tinha uma imagem terna contida numa flor pequena
Ele sentou ao seu lado cruzando as pernas observando a cor de suas petalas
Acariciou as dizendo que sua beleza era inestimavel e apesar de viver no escuro seu brilho era intenso como o brilho das perolas
Começou a escrever sobre a bela flor
E em sua poesia havia tanto ardor que a pequena flor o suplicou
Que lhe tirasse dali para poder ver o mundo que ate entao nao conhecia
O pequeno escritor negou sua suplica pois se a retirasse a mataria
Assim extinguindo sua beleza
Disse que seu amor era tanto que preferia apenas admira la na natureza
Do que por seu corpo sem vida num jarro com agua emcima de uma mesa
Nessa hora um pequeno raio de sol atingiu a flor a transformando numa linda mulher e o pequeno escritor fascinado pode lhe dizer
"So precisamos do calor do amor para florescer e mostrar nossa verdadeira forma "
 
a flor que chorava pelo bosque

devemos aproveitar cada segundo

 
Cada pessoa que se vai leva um pedaço de nos mas nos tambem retemos um pedaço delas e isso que as tornam eternas toda vez que perdemos o chao ou nos tiram as pernas nos desfazemos nos sentimos em cacos como um quebra cabeça mas com a possibilidades de nos remontar diferentes maiores e melhores e cada perda nos ensina o quanto somos valiosos um para o outro e nao sabemos quanto tempo temos entao devemos aproveitar cada segundo praticando o amor
 
devemos aproveitar cada segundo

veja nos meu olhos

 
Entao veja meu amor refletido em meu olhos...e o que veras e voce mesma
 
veja nos meu olhos

para começarmos...

 
Coisas ruins e preconceitos sempre passaram por nossas mentes cabe a nos vislumbrar o que nos une e nossa relaçao como um todo sendo um pais um continente um mundo para nos libertar dos grilhoes da ignorancia e teremos assim respeito mutuo para começarmos a co existir em paz
 
para começarmos...