Poemas -> Saudade : 

Quem te sente já morre

 
Tags:  fala verdade    limpar pranto    tem cuidado  
 
QUEM TE SENTE JÀ MORRE

Ò tempo, fala a verdade?!
Senta-te aqui a meu lado.
Faz comigo amizade
Tem cuidado!
Sê prudente!
Te pergunto brandamente
Porquê me dás tantos danos?
São quantos mais os anos?
Neste instante que corre,
Quem te sente já morre.

Deixa-me limpar o pranto
Desta sentida saudade
Já não haverá outro tanto?!
Dá-me um pouco de felicidade.

Deste-me cabelos de prata
E mãos frias como a neve
E a formosura? Essa ingrata!
Deixou um traço ao de leve.
Quando olho o meu rosto
Nada já vejo com gosto!
Gela-se-me o sangue nas veias
- Vê por instantes meu desgosto
Tu que me enredáste em tuas teias.
- Ah...não me dês outro maior!
Deixa-me a imagem que fui
Já me basta esta dor!
De quem nada já possui.

Senta-te ao meu lado
Dá-me algum alento.
Faz-te meu aliado,
Sê minha estrela, meu vento.

rosafogo
Este saíu do arquivo, onde moram os da saudade.
Open in new window


Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira.
Johann Wolfgang Von Goethe



 
Autor
rosafogo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1256
Favoritos
4
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
62 pontos
30
0
4
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
joseluislopes
Publicado: 17/12/2009 18:16  Atualizado: 17/12/2009 18:16
Colaborador
Usuário desde: 22/03/2009
Localidade:
Mensagens: 3348
 Re: Quem te sente já morre
Olá Rosa!
Sabe a Amiga que tenho um poema que também imploro por um pouco de felicidade.Fez-me bem lembrar o meu escrito de tempos onde a dor reinava e hoje pelo menos tenho um ar mais alegre.
Mas gosto dessa forma de fazer poesia, corrida, sentida, onde as palavras são aquelas que sai no momento.
Gosto dessa poesia da verdade. Gosto de perceber que quem escreve sobre si não recorre aos dicionários.
Parabéns pelo poema.
Beijo
JLL


Enviado por Tópico
Antónia Ruivo
Publicado: 17/12/2009 20:13  Atualizado: 17/12/2009 20:13
Colaborador
Usuário desde: 08/12/2008
Localidade: Vila Viçosa
Mensagens: 3906
 Re: Quem te sente já morre
Amiga, em cada fio de prata que o tempo te trouxe está a marca de uma vida vivida,é certo que todos gostaríamos que o tempo não passasse, mas tenho cá para mim que seria uma grande monotonia.beijinhos


Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 17/12/2009 21:04  Atualizado: 17/12/2009 21:04
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Quem te sente já morre
O tempo pode ter passado, Rosa,
pode ter deixado essas marcas,
mas... traz também a sabedoria,
a aprendizagem e... em ti, acentuou
por certo, a tua beleza espiritual porque
a física, continua intacta.
Gostei uma vez mais de te ler, amiga.
beijinhos
Vóny Ferreira


Enviado por Tópico
jomasipe
Publicado: 17/12/2009 21:20  Atualizado: 17/12/2009 21:20
Colaborador
Usuário desde: 28/09/2009
Localidade:
Mensagens: 1168
 Re: Quem te sente já morre p/ Rosafogo
bela a imagem dos cabelos de prata, sinónimo máximo da sapiência e sabedoria, uma imagem de grande beleza, aliás como todo o poema que constróis,
bjs,
JS


Enviado por Tópico
Conceição Bernardino
Publicado: 17/12/2009 21:36  Atualizado: 17/12/2009 21:36
Colaborador
Usuário desde: 22/08/2009
Localidade: Porto
Mensagens: 3325
 Re: Quem te sente já morre
olá Rosa,
Lindissimo como as lágrimas que bebo dos meus olhos.

beijo
MG


Enviado por Tópico
Avozita
Publicado: 17/12/2009 22:01  Atualizado: 17/12/2009 22:01
Colaborador
Usuário desde: 08/07/2009
Localidade: Casal de Cambra - Lisboa
Mensagens: 4531
 Re: Quem te sente já morre
Pois é minha amiga, o tempo passa cada vez mais rapido, e o espelho vai-nos dando uma imagem a que temos de nos habituar, embora não gostemos.
Adorei este teu poema, foste tu quem escreveu, com toda a beleza que sabes dar aos teus poemas, mas encaixa-se pefeitamente no meu eu. (Mais um, como tantos outros)

Feliz Natal para ti e toda a familia.
Beijinhos
Antonieta


Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 17/12/2009 22:08  Atualizado: 17/12/2009 22:08
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 11959
 Re: Quem te sente já morre
Tens um baú repleto de pérolas em fios de ouro e prata que te saem na natural forma de sentir.

Beijos


Enviado por Tópico
morethanwords
Publicado: 17/12/2009 22:56  Atualizado: 17/12/2009 22:56
Colaborador
Usuário desde: 21/11/2008
Localidade:
Mensagens: 1507
 Re: Quem te sente já morre
Senta-te ao meu lado
Dá-me algum alento.
Faz-te meu aliado,
Sê minha estrela, meu vento.

Lindo,
jinhos
T!na


Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 18/12/2009 00:25  Atualizado: 18/12/2009 00:25
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17656
 Re: Quem te sente já morre
Uma coisa engraçada, a imagem que temos de nós nunca bate com o espelho, e ela não passa, vai se atenuando. Outra coisa que chama atenção é nossa voz, se gravarmos nunca reconhecemos, precimos de amigos para confiormar isso. Tirando locutores etc... Nunca bate com a que fazemos, que coisa!
Ao ler seu poema revi tudo isso e gostei muito foi
como conversar comigo mesma. Beijo na alma.


Enviado por Tópico
Lara Adam
Publicado: 18/12/2009 11:33  Atualizado: 18/12/2009 11:33
Da casa!
Usuário desde: 16/05/2008
Localidade: Ponte de Lima
Mensagens: 448
 Re: Quem te sente já morre
Sempre o tempo! O tempo também não é meu amigo, até porque o tempo não me dá tempo para nada, por vezes fico triste, porque gostaria de fazer certas coisas e não tenho tempo! Como eu já lhe tinha dito Rosa, eu gosto que o tempo passe, é sinal que vivo e que caminho na vida, e isso faz-me feliz! O tempo passado para mim é museu! Beijinho minha amiga!


Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 19/12/2009 01:10  Atualizado: 19/12/2009 01:10
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 11462
 Re: Quem te sente já morre
Ah, Tempo ingrato,
Que a tudo consome!
Matas a mosca e o gato
Também matas o Homem!

Como sempre um canto de Cisne triste e belo! Fico daqui a admirar e a aplaudir a beleza do espetáculo diário e vivificador! Um beijo tamanho do mundo e um voto de que tudo fique bem em tua vida!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 19/12/2009 09:00  Atualizado: 19/12/2009 09:00
 Re: Quem te sente já morre
Ola Rosa

Este saiu-te da Alma onde mora a seiva que te sustenta.

Ímpar! Levo-te


Boas festas

Beijo azul


Enviado por Tópico
ROMMA
Publicado: 19/12/2009 15:04  Atualizado: 19/12/2009 15:06
Colaborador
Usuário desde: 29/10/2008
Localidade:
Mensagens: 2462
 Re: Quem te sente já morre
Minha Amiga Querida, o tempo que nos apoquenta e tanto que queremos fazer e viver e as horas que temos dia-a-dia nunca chega, sempre é tão pouco! O amor, ai o amor lindo o amor :)) que sempre sorri dentro de nós!
esta noite abracei muito
muito muito muito
todos os meus amigos que comigo passam parte desse tempo e sabes, fiquei bem mais feliz porque senti que todos os abraços que recebi foram apertadinhos e o coração quase explodiu :))
contrario entao teu poema belo cheio de sentimento, para te dizer que quem te sente já morre mas vive eternamente! :)
Um beijo tão grande quanto teu ser
desculpa a minha ausencia, a quadra é intensa, muitos encontros e pouco tempo e o descanso das mãos que me andam a apoquentar ... mas estou quase a ficar melhor.
E tu, fica sempre bem!
Romma


Enviado por Tópico
fogomaduro
Publicado: 19/12/2009 18:53  Atualizado: 19/12/2009 18:53
Colaborador
Usuário desde: 06/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1478
 Re: Quem te sente já morre
O tempo, esse desarvorado!
Deixo-lhe a primeira quadra de um soneto meu com o título "Filosofia":

Quando o tempo tem tempo e chega a tempo
de me dar algum tempo pra pensar,
procuro ver a luz do pensamento
que brilha de uma forma singular.

Assim brilha este seu poema e a sua sabedoria de vida.

Um Feliz Natal!

Domingos da Mota


Enviado por Tópico
poesiadeneno
Publicado: 19/12/2009 19:51  Atualizado: 19/12/2009 19:51
Colaborador
Usuário desde: 27/06/2009
Localidade:
Mensagens: 1407
 Re: Quem te sente já morre
Rosa,

Um belo poema-,tanta nostalgia!



Votos de um Feliz Natal.


Abraço