https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

TROVAS NO TEMPO

 
Tags:  saudade    coração    esperança    Deus    canto    povo    liberdad  
 
Open in new window



TROVAS NO TEMPO









Meu canto é de amargo cheio
Poesia eu trago nos braços
Me enleio nela, me enleio!
Em doces e longos abraços.

Digam lá o que disserem
Que de ouvir-vos não me cansa
Calo-me se assim o quiserem
Deixem-me ao menos a esperança.

Se eu de saudade, partisse...
Levava saudade que é bastante
Do poema que eu melhor disse!
Aquele da saudade já distante.

Quanta distância vai de mim!?
Ai quanta distância Deus meu!
Que já nem sei ao que vim!?
Nem lembro se o coração morreu.

Mas sei que nasci do Povo
Desse de quem trago saudade
Estando morto levantou de novo
P'rá conquista da liberdade.

Já subi ao mais alto monte
Mais alto quero ainda subir
Quero enxergar lá no horizonte
Com olhar cansado o meu partir.

Passará por mim o sol e o vento
E eu seguirei até à eternidade
...Só sobrará um pensamento
Saudade levo apenas da mocidade.

Meu olhar verde olhará o poente
Nele vazará toda a sua tristeza
E aí se fechará tão docemente...
Esquecendo do Mundo a frieza.


rosafogo








Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira.
Johann Wolfgang Von Goethe



 
Autor
rosafogo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1847
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
26 pontos
10
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 30/08/2010 09:43  Atualizado: 30/08/2010 09:43
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9300
 Re: TROVAS NO TEMPO
Querida Amiga
Poetisa Rosa!

Linda as Trovas do Tempo!
Já subistes e vais subir ainda mais não para olhar o teu partir, mas olhar a obra linda que sempre deixas por aqui a nos deleitar.
Bjinhos
♫Carol

Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 30/08/2010 09:43  Atualizado: 30/08/2010 09:43
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12123
 Re: TROVAS NO TEMPO
Seguir a viagem no tempo do alto ver o horizonte, fechar o olhar à frieza do mundo.

Beijos

Enviado por Tópico
mariagomes
Publicado: 30/08/2010 09:46  Atualizado: 30/08/2010 09:46
Colaborador
Usuário desde: 18/04/2010
Localidade:
Mensagens: 1614
 Re: TROVAS NO TEMPO
Olá amiga, já tinha saudades de cá vir ler boa poesia e visitar os amigos, como sempre gostei dessas lindas trovas no tempo.
beijinhos
mariagomes

Enviado por Tópico
GeMuniz
Publicado: 30/08/2010 15:50  Atualizado: 30/08/2010 15:50
Colaborador
Usuário desde: 10/08/2010
Localidade: Brasil
Mensagens: 7283
 Re: TROVAS NO TEMPO
Você sabe o quanto admiro tuas trovas. Já lhe disse e repito aqui. Prazer em lê-la.

Bjs poeta

Enviado por Tópico
eduardas
Publicado: 30/08/2010 16:02  Atualizado: 30/08/2010 16:02
Colaborador
Usuário desde: 19/10/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3731
 Re: TROVAS NO TEMPO p/rosa
Fiquei de todo deslumbrada com estas trovas. Já por si a tua poesia é um primor, mas estas...vou guardá-las bem no fundo.

bj
Eduarda

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 30/08/2010 17:26  Atualizado: 30/08/2010 17:26
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: TROVAS NO TEMPO
Falas de saudade Rosa, é...
Quantas essa saudade nos fica agrafada ao peito?
Quantas vezes nos matam as ilusões?
As expectativas?
Felicito-te, como sempre,
pela tua poesia.
Deixo-te um abraço amigo,
Vóny Ferreira

Enviado por Tópico
Betha Mendonça
Publicado: 30/08/2010 22:01  Atualizado: 30/08/2010 22:01
Colaborador
Usuário desde: 30/06/2009
Localidade:
Mensagens: 6744
 Re: TROVAS NO TEMPO
Não pude deixar de deleitar-me com as quadras e deixar aqui meu registro de apreciação. :)
Bjins, Betha.

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 30/08/2010 23:45  Atualizado: 30/08/2010 23:45
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: TROVAS NO TEMPO
Querida, também gosto e muito de suas trovas. Obrigada. bjs

Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 31/08/2010 10:34  Atualizado: 31/08/2010 10:50
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: TROVAS NO TEMPO/para todos os amigos
Sem pretenssões de ser grande escritora, fico atenta
ao que sobreo que escrevo os amigos me dizem, e meu rosto se alegra, com as palavras carinhosas e de apreço que acabam por me chegar. Caminhar e com ela estender-vos os braços é a minha vontade, e depois, ficar deslumbrada com o vosso carinho.

Para todos um abraço com amizade.