https://www.poetris.com/
 
 
 
Open in new window


Meu quebra-cabeça está espalhado
Em milhões de pedaços pelo chão
Perdida, tento encaixa-los e nada acontece
Querendo juntar as parcas imagens do que fui

Minha vida qual vaso quebrou-se
Em milhões de cacos se viu derramada
Arestas sem encontros certos solitárias ficaram
E em pontas afiadas feriram-me mais ainda

Minha vida qual carta esquecida não foi lida
O tempo apagando cada letra omitiu quem fui
Ninguém jamais poderia então decifrar-me
E sem lembranças nítidas terminarei cada dia

Se, insisto então em me encontrar
Resta então não deixar morrer o desejo
Perceber-me em cada fração dissipada
E saber que deixei marcas ou fui alguém...

 
Autor
Branca
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1026
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
27 pontos
11
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 17/09/2010 23:10  Atualizado: 17/09/2010 23:12
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: BUSCA
Lindo Branca, as circunstâncias da vida a determinar o seu desenrolar,as aspirações, as limitações, tudo por que passámos e hoje olhamos e sentimos que não fizemos tudo o que poderíamos ter feito,e vamos passar o resto do tempo do mesmo jeito?
Tanta vez pergunto o que fiz eu do meu tempo?
Agora é tarde para mudar o rumo e o tempo não pára, mas ainda assim é sempre de tentar mudar alguma coisa.

Adorei ler-te, fica bem amiga.


Enviado por Tópico
Runa
Publicado: 17/09/2010 23:33  Atualizado: 17/09/2010 23:33
Colaborador
Usuário desde: 24/04/2010
Localidade: Santo Antonio Cavaleiros
Mensagens: 1177
 Re: BUSCA
Um adorável poema. Espera que encontres rapidamente os fragmentos solitários da tua alma dispersa, se é que isso é possivel.

beijos


Enviado por Tópico
Beija-Flor76
Publicado: 18/09/2010 00:23  Atualizado: 18/09/2010 00:23
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2010
Localidade: PORTUGAL
Mensagens: 2058
 Re: BUSCA
Em cada escolha, arriscamos a vida que poderiamos ter por outra que teremos, mas sempre são as nossas escolhas, cada peça do puzzle precisa de varias tentativas para encaixar.

Poema soberbo.
Vou levar
Beijinhos
Beija-flor


Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 18/09/2010 00:54  Atualizado: 18/09/2010 00:54
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 15103
 Re: BUSCA
Texto um tanto triste, porém não menos belo. Gostei muito. Beijinhos meus em ti!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 23/09/2010 21:53  Atualizado: 23/09/2010 21:53
 Re: BUSCA
Ola Branca

Muitas vezes é com grande dificuldade que deciframos os nossos enigmas. Gostei muito do teu poema que considero muito bem escrito numa mensagem bem passada

Levo para mim

Beijo azul

Enviado por Tópico
Amigo
Publicado: 06/11/2010 21:29  Atualizado: 06/11/2010 21:29
Participativo
Usuário desde: 27/06/2009
Localidade: Amazônia Legal
Mensagens: 17
 Re: BUSCA
Todos Teus cacos, serão ajuntados
perfeitamente colados, tem UM que
nada é impossível
Estas nas linhas de SEU Livro
E nas entranhas doloridas e esmagadas
de meu coração.

Do Amigo que não TE esqueces dia e noite.
Bjs LInda.

Enviado por Tópico
Nanda_Vamp
Publicado: 28/01/2011 21:48  Atualizado: 28/01/2011 21:48
Colaborador
Usuário desde: 03/06/2010
Localidade: Brasil / Minas Gerais
Mensagens: 545
 Re: BUSCA
Aplaudo-te, poetisa! Magnífico poema...

Um forte abraço,

Nanda