https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Tristeza : 

ANGÚSTIA

 
Tags:  poema  
 
ANGÚSTIA
 

ANGÚSTIA
(Jairo Nunes Bezerra)

Sorrindo acordei-me à noite de sábado,
Pensando que já era o amanhecer...
Atormentava-me o nosso encontro agendado,
Há pouco, no anterior entardecer!

Embora tente não posso conciliar o sono,
Sentado observo as estrelas cintilantes no céu...
Prejudicado pelo recente engano,
Sinto-me solitário vagando ao léu!

Opacos raios solares já penetram pela janela,
E mais penso nela,
Radiante, aguardando-me à beira mar!

As horas difusas caminham lentamente,
O desejo de apressá-las flutua em minha mente,
Mesmo em pé a cochilar!
[center]
[/center]
 
Autor
Jairo Nunes Bezerra
 
Texto
Data
Leituras
645
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.