https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Alegria : 

SOL PÔR

 

Em plena tarde de primavera
o sol raia alto no céu, azul de
outros azuis, que nas nuvens
repousa seu milagre primeiro.

O milagre da vida, que vem
com o astro solar e que tudo
faz crescer, flores e árvores,
e dá à terra a força de vingar.

Os jardins abrem-se ao seu
calor vivificante e as corolas
das florezinhas, colhem dos
raios, a força que vira pólen.

Nas águas translúcidas dos
rios e dos mares, dúctil e
exuberante, se mostra, no
verso das cores que fluem.

E nele passeiam as pessoas,
levando seus animais com
elas, para colher o agrado do
rito do sol, no imanar sua luz.

E quando o sol se põe, e os
seus raios perdem força, é
de ressaltar, que ainda assim,
o seu aconchego nos chega.

Jorge Humberto
29/03/11





 
Autor
jorgehumberto
 
Texto
Data
Leituras
518
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.