https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

A poesia

 
Tags:  palavras    dom    Comércio  
 
Open in new window

A poesia

Não serve de utensílio em nosso dia a dia
Não segue nenhuma regra de matemática
Sua constução às vezes foge da gramática
Mas enche este mundo com tanta magia

Deixa o mundo iluminado com a fantasia
Apesar de não se valorizar no mercado
Quem escrever poemas será consagrado
No decorrer do tempo por quem aprecia

Trata-se de um produto pouco procurado
E no mercado não é muito comercializado
Apesar de transmitir tantos sentimentos

Por muitos séculos a poesia é lembrada
Não morre nunca e nem é exterminada
Pois fala das alegrias e dos sofrimentos.

jmd/Maringá, 05.05.11



verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
994
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 06/05/2011 01:02  Atualizado: 06/05/2011 01:02
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29404
 Re: A poesia
UMA MARAVILHA DE POESIA DEIXO MEU ABRAÇO

Enviado por Tópico
Auroraemmim
Publicado: 06/05/2011 11:09  Atualizado: 06/05/2011 11:09
Da casa!
Usuário desde: 28/01/2011
Localidade:
Mensagens: 241
 Re: A poesia
Concordo com o seu poema.

Auroraemmim