Sonetos : 

VERSOS JOGADOS AO VENTO

 
Te ofertei meu mais belo verso de amor
advindo do meu melhor sentimento
na intenção de suplantar a enorme dor
que tu afirmavas ter todo momento.

Fiz de ti a minha musa inspiradora
declamando o nosso amor aos quatro cantos
na certeza de que tu'alma sofredora
cessaria de uma vez todos seus prantos.

Com o passar do tempo eu vi que me enganei
porque os milhões de versos que te dei
não tiveram eco em teu sentimento.

Certo dia fui buscar versos pra ti
e ao voltar não te encontrei, somente vi
os meus tristes versos jogados ao vento...

MARINHO GIL

 
Autor
marinhogil
 
Texto
Data
Leituras
771
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
simplesmente
Publicado: 20/02/2012 08:40  Atualizado: 20/02/2012 08:40
Da casa!
Usuário desde: 27/04/2010
Localidade: de,,, Évora,,,reside em Setubal
Mensagens: 237
 Re: VERSOS JOGADOS AO VENTO
quando se fecha uma porta ,se abre sempre uma janela
lindo poema ,mas triste?