https://www.poetris.com/
 
Textos : 

Perdido em pensamentos

 
No meu quarto escuro, vultos e tormentos afligem minha alma. Sentimentos obscuros, alucinações pagãs, tudo isso me ataca novamente. Os meus pensamentos ficam vagando em minha mente. (vez ou outra fogem e caem no papel em forma de poema) Quando me sinto assim, a única coisa que me resta é a escrita. Pessoas vem e vão (claro os verdadeiros permanecem), mas as palavras são eternas e eternizam também o escritor. Assim, entre monstros e criaturas lindas (Alguns desses são pessoas que não saem da minha mente) eu vou escrevendo. Hora sobre tristeza, outrora sobre alegria. Esse é meu único refúgio.

Pablo Wendell - 20/04/2012

A partir desse texto comecei a delirar, me perdi na insanidade das palavras e, enfim, fiquei em paz!
PS.: Esse foi um dia especial, aí que começaram meus desatinos presentes em "Noite de devaneios", "Madrugada", "Delírios" e "Sonhos"
 
Autor
PabloWendell
 
Texto
Data
Leituras
619
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 22/04/2012 19:19  Atualizado: 22/04/2012 19:19
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: Perdido em pensamentos
Quem escreve tem o melhor amigo.A escrita já me salvou quando perdi meu pai e depois meu irmão.Gosto do que escreves com toda emoção.Abraço de Varenka