https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

O teu amor

 
Olhas-me com olhos de ternura,
e roças-me de gestos sensuais,
Teus lábios têm um gosto felino,
Desmaio a vida nos teus braços, e sonho-te medusa do meu mar,
anémona do meu jardim,
Trazes pendurado o carinho, o amor que reside em mim,
De passos vagos perfumas o ar a silvestre e jasmim
Todo o teu rosto é sorriso
e nesse sorriso tenho também o teu amor,
O quanto me baste
O quanto me é preciso

Luís Paulo




Luis Paulo

Queria tanto ser poeta,
Falar do mundo…
Do amor
Porque não da dor?
Do sofrimento?
Da injustiça então…
Enfim, falar do meu sentimento

Luís Paulo

 
Autor
lpaulo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
2353
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.