https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Desilusão : 

Sem peito

 
sem peito

há pessoas sem peito que no nosso se seguram
a usar palavras que não custam porque convém
e é quente e é para sempre e nos amarguram
num abraço enorme onde não cabe ninguém

secalhar somos nós, já de peito feito cinzento
invadidos por quem sem lei nos tira balanço
e dizem, és tão grande que eu me desoriento
e afinal és tão pequeno que eu não te alcanço

pessoas sem peito são pessoas que nos fodem
que nos habituam ao seu choro feito de vapor
pessoas que nos vivem, nos atingem e fogem
porque é assim, porque é a vida, porque é amor

há pessoas sem peito como que sem vontade
sem o peso que me deixa mais preso que livre
e quem mo roubou não sabe que na verdade
alguém sem peito já morreu, porque quase vive

J.C.

 
Autor
JoséCorreia
 
Texto
Data
Leituras
590
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.