https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

fantasio...

 
Entra o luar pela janela
a toldar-me o pensamento
nada mais além da solidão
eu e ela
e a obscuridade da noite
tudo mais lá fora ao relento.

Saudade distância sem tempo
olho a janela o luar entra por ela
fantasio, deixo-me num faz
de conta, sorrio,
é hora da libertação
dum sonho maior
ouço o bater do coração
ignoro o luar que atravessa a cortina
é meu companheiro
desde quando era menina
no meu mundo inventado
e dormia comigo, ali, lado a lado,
surgia da fresta do telhado.

Hoje há uma teimosa vontade
e um sonho suspenso
de procurar na saudade
a menina em quem sempre penso,
seus passos ficam martelando
minha mente
fecho os olhos, vejo os dela fielmente,
atravesso a ponte da lembrança
e no sonho cresce a esperança,
saudosa de mim,
volto ao tempo de criança...

natalia nuno

rosafogo



Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira.
Johann Wolfgang Von Goethe



 
Autor
rosafogo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
711
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
22 pontos
14
4
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 15/05/2014 13:25  Atualizado: 15/05/2014 13:25
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 26047
 Re: fantasio...
A saudade traz momentos inequecíveis de nosso viver, onde nossos olhos voltam a se enaltecer inovando nosso ser


Enviado por Tópico
Robertojun
Publicado: 15/05/2014 16:17  Atualizado: 15/05/2014 16:17
Colaborador
Usuário desde: 31/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 2188
 Re: fantasio...
Olá, rosafogo (Natalia)

Gostei de ter lido este poema.

Lindo demais.

Parabéns pela inspiração!

Abraço,
Roberto Jun


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 15/05/2014 19:41  Atualizado: 15/05/2014 19:41
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 13656
 Re: fantasio...
Parabéns Poetisa
Poema encantador! Beijos!
Janna


Enviado por Tópico
Manufernandes
Publicado: 15/05/2014 20:15  Atualizado: 15/05/2014 20:15
Subscritor
Usuário desde: 09/12/2013
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3793
 Re: fantasio...
A poesia, como habitualmente, linda
Contém um sentimento, uma saudade
um retorno às origens, cantado suavemente
em cada verso.
Há uma parte, que transcrevo, que me
faz recordar a casa de meu avô quando eu era criança:
"...no meu mundo inventado
e dormia comigo, ali, lado a lado,
surgia da fresta do telhado.
..."
Muito bonita!
Abraço
manu


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 15/05/2014 21:12  Atualizado: 15/05/2014 21:12
 Re: fantasio...
Olá Natália,

E nesta Fantasia, mostras ao mesmo tempo um mundo onde o amor e o sonho sempre andaram entrelaçados. Fizeram nascer e crescer aquilo que hoje é uma boa saudade, que vale a pena recordar. Na fantasia, também pode e deve haver alegria, felicidade!

É sempre um gosto, ler-te!

Beijos

João


Enviado por Tópico
Maryjun
Publicado: 15/05/2014 23:14  Atualizado: 15/05/2014 23:14
Membro de honra
Usuário desde: 30/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 4981
 Re: fantasio...
Olá Rosa,


Que fantasia

linda!Amei a

leitura.Aplausos!!

Beijos,

Mary Jun
Open in new window


Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 16/05/2014 22:28  Atualizado: 16/05/2014 22:28
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 8484
 Re: fantasio...
Boa noite Natalia, a penumbra da noite, quebrada pelo clarão da lua, é um ambiente propício para as nossas mais prementes recordações, daquilo que nos foi caro na fase de criança e adolescência, parabéns pelo envolvente enredo poético, um forte abraço, MJ.