https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Assim seja

 
Que em todo breu
onde quer que eu me esconda,
nasçam pequenas estrelas
também nuas, talvez;
dessas de se apontar com o dedo
e se dizer: duzentos e setenta e três.

 
Autor
Amora
Autor
 
Texto
Data
Leituras
802
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
5
3
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 02/09/2014 03:58  Atualizado: 02/09/2014 03:58
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: Assim seja
assim seja, amém.
esse colar faz uma falta imensa aqui...
pode emprestar?


Enviado por Tópico
DomingosdaMota
Publicado: 02/09/2014 23:26  Atualizado: 02/09/2014 23:26
Colaborador
Usuário desde: 15/05/2010
Localidade:
Mensagens: 839
 Re: Assim seja
Há quem diga que se não devem contar as estrelas; mas com ou sem contagem, gostei desta quase oração (laica) a meu ver.

DM


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 24/09/2014 00:59  Atualizado: 24/09/2014 00:59
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29490
 Re: Assim seja
Um breu que se esconde nas brisas de um lindo amanhecer, estrelas que se candeiam nos encantos de um belo alvorecer.