https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

Tempo de infância

 
Tags:  chuva    brincadeira    doces  
 
Open in new window

Tempo de infância

Ah! se eu pudesse, amigos
Voltar ao tempo de infância
Sem ligar pra circunstância
Mas agora é tarde demais
Da aurora da minha vida
Acabou-se aquele encanto
Já não vejo os pirilampos
Voando sobre os cafezais

Nas noites claras de lua
Brincava de pega-pique
Na casa do velho Henrique
Que já foi pra eternidade
Ao acabar nossa brincadeira
Ligava o rádio pra tocar
Ouvia os violeiros a cantar
De segunda à sexta-feira

Quando era mês de junho
Nas festas de São João
Soltava bombas e balão
Ouvindo a sanfona tocar
Hoje moro aqui na cidade
E vou vivendo de saudade
Lembrando a felicidade
Ponho-me triste a chorar.

jmd/Maringá, 11.12.14


verde

 
Autor
João Marino Delize
 
Texto
Data
Leituras
1171
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
1
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 11/12/2014 17:00  Atualizado: 11/12/2014 17:00
 Re: Tempo de infância
É como se rebentasse por dentro e tivesse de esticar a alma - ou lá o que é - para me ser possível reter ao menos e chorar um pouco do que daí sobrou.

Manuel Jorge Marmelo, in 'O Amor É para os Parvos'