https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

O SENHOR SENTIMENTO - Soneto do meu 1º livro "Em todos os sentidos"

 
Open in new window



E sou..., só eu num termo solitário,
Que por salvar-me do tempo, eu não pude,
Em meio a essas travas da atitude,
Em que a cada um cabe este fadário!

E eu..., só sou vencedor indumentado,
Que me é o amor de dentro do peito,
Sem esperar a prova do conceito,
Que a todo ser derrama-se marcado!

E só..., eu sou o alguém a tantas formas,
Ao preço ou não, de portas abertas,
Que se cerram em tal hora e momento!

E sou..., eu só sem ter voz, sequer normas,
De maneiras tão certas ou incertas,
De alma, carne e osso... O senhor sentimento!




Eduardo Eugênio Batista

@Direitos autorais protegidos por lei


Setedados777

 
Autor
Setedados777
 
Texto
Data
Leituras
343
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
0
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.