https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

converto me

 


às vezes
converso
comigo

mesmo

e digo
de mim
para mim

mais
ou menos

assim

com verso
sim

 
Autor
uersus
Autor
 
Texto
Data
Leituras
618
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
32 pontos
8
4
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 13/02/2015 20:50  Atualizado: 13/02/2015 20:50
 Re: converto me
Muito bom!

Gostei imensamente!

Abraços,

Anggela


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 13/02/2015 21:40  Atualizado: 13/02/2015 21:40
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29335
 Re: converto me
Sempre temos que conversar com o nosso sou, aqueles sentidos da vida em se resplandecer, do nosso ser onde os versos da vida acontecem.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 16/02/2015 16:43  Atualizado: 16/02/2015 17:58
 Re: converto me
*g e n i a l i d a d e*
Pura e simples e por isso rica poesia!
Beijoka*


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 16/02/2015 16:47  Atualizado: 16/02/2015 16:47
 Re: converto me
Minhas vozes ecoam
Nas linhas, nas cordas
No céu da boca
Travestidas de versos
Lima-se a face
Mas os sons permanecem
Sussurrados de mim
Para mim
No silêncio do meu ouvido
Por vezes
Entalados na garganta
Pedem passagem
Da alma para o olhar
E se me escuto, obedeço-me.
Quando não há vozes
Nem sonhos
Ainda assim teço um ninho
De mim, em mim.
E quando a boca cerra
O corpo fala...
Numa poesia
Numa toada.

Karinna*