https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

TRAVESSIA

 
Tags:  amor    solidão    alegria    soneto  
 
Nenhuma sensação supus que havia
tão terna e bela nesta terra triste,
por qual valesse dedicar meu dia
e andar no mundo de cabeça em riste.

Passar a vida assim me parecia
insuportável. Tudo quanto existe
como que tinha uma intenção sombria
de um louco deus que me pregava um chiste.

Mas um só beijo de sua boca ardente
fez do conceito que eu seguia, crente,
inútil fóssil de uma ideia vã.

Hoje, depois que o amor em mim se deu,
vivo em paz como o sábio e bom hebreu
que enfim chegou um dia a Canaã.

 
Autor
ALEBA
Autor
 
Texto
Data
Leituras
338
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 14/08/2015 23:11  Atualizado: 14/08/2015 23:11
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6798
 Re: TRAVESSIA
O amor é belo e divino, lindoo