https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

De todos o mais vulnerável, o mais improvável...

 
<br />De todos ele é o mais vulnerável
De todos ele é o mais improvável
De todos ele é o que se manifesta por todos
e nunca por ele só.

De todos ela saberia o que queria
De todos ele só saberia se dissesse
De todos eles só serão grandes se quiserem
e nunca foi dito uma palavra se pudesse.

De todos o sentido não tem sentido
De todos não sabes o caminho, nem mapa ou vias
De todos confundes os sentidos
e nunca saberias qual o Norte e qual o Sul...

De todos tu não dizes
De todos eu já não sinto
De todos não o sinto
e nunca o vi sem poder dizer que o sinto...

De todos o amor é falso
De todos a justiça é cega
De todos o desconhecido é possível
e nunca o vi como hoje...

De nunca dizer e de todos saber
Onde viria se tu apareceres?

@ Setúbal, 2007


P de BATISTA

 
Autor
Batista
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1066
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/02/2008 23:16  Atualizado: 22/02/2008 23:16
 Re: De todos o mais vulnerável, o mais improvável...
Parabéns.