https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Vazio

 
Não sei como imaginar
o vazio de um lugar…
vazio...

Sequer pensar nesse longínquo espaço
onde o pensamento é coagido
a permanecer à sombra
depois traído
quando por força do pensar
cuspido fora dos olhos

Não me surpreende esse frenético olhar
quando me toca
como um simples ruído
indecifrável…
até no silêncio
por não pensar em coisa alguma
ou então em algo semelhante
ao vazio do espaço
que permita imaginar-me
perto ou longe

Não lastimo a falta de o não o ter
é como se fizesse parte
da sua ausência
da imaginação daquele pensar abstracto

Não queira saber onde me encontrar
porque somente me sei
sem me saber presente

(Às vezes a ausência é eternamente
o espaço físico da morte
nunca antes anunciada)

Pois que nem a morte me sabe
nem me interessa
saber se ela existe
ou se no limite, sou…
o pensamento
antes
ou depois dela
por causa de pensar
que penso
a imaginar-me dentro dela

ÔNIX/DM
 
Autor
ÔNIX
Autor
 
Texto
Data
Leituras
479
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
25 pontos
1
4
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 04/12/2016 12:30  Atualizado: 04/12/2016 12:30
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4449
 Re: Vazio
Ola poetisa, ao tempo que não te leio...

Fazes-me reflectir na poesia que transmites, inteligente, desafiante na sua real interpretação

Gosto do que leio

Beijinhos