https://www.poetris.com/
 
Mensagens -> Amor : 

PRESENÇA ANTIGA

 

Senhor, como longe de ti viver,
se tudo em mim teu renascer respira?
Tua já presença ao meu redor não vira,
pois perdida estava eu a arrefecer.

E agora estaco à estrada sem saber
se às tortuosas rochas aluíra,
se a esta amarga solidão anuíra,
ele, que me imbuia sem eu perceber.

Desfaleço nesta sina feroz!
Preciso ouvir de novo aquela Voz!
Antes que a minha terna face encrueça.

Liberte-me agora, Albatroz!
Leve-me rápido às mãos de meu Algoz!
Antes que nesta cova eu enrijeça.

 
Autor
dellacoelho
 
Texto
Data
Leituras
2356
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
1
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
geraldocoelho
Publicado: 02/06/2017 16:40  Atualizado: 02/06/2017 16:40
Colaborador
Usuário desde: 14/11/2010
Localidade:
Mensagens: 625
 Re: PRESENÇA ANTIGA
Poema mui reflexivo, e bem construído!...Um primor!...Aplausos, e Deus te abençoe.