https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Crítica : 

MUITO POUCO TU, MUITO POUCO TU...

 
Eu
sei o que sinto:
esse meu sentimento
leva-me,
levemente,
e a mim mesmo,
a esta minha caminhada.

Pensei,
e fui para além do pensamento,
dentro
de cavernas de dentro,
pelos passos que dei,
passo
a passo.

Cheguei
ao ponto de partida de mim;
aqui estou

Zinho.


A minha pátria é a língua portuguesa.
Bernardo Soares

Saibam que agradeço todos os comentários, de coração...
Por regra não respondo.



 
Autor
Rogério Beça
 
Texto
Data
Leituras
206
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
19 pontos
5
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
boxer
Publicado: 27/07/2017 11:01  Atualizado: 27/07/2017 11:01
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2009
Localidade:
Mensagens: 726
 Re: MUITO POUCO TU, MUITO POUCO TU...
A qualidade melódica deste poema é notável. Muitas vezes, analisamos um poema e esquecemos a técnica (adquirida ou inata, não interessa) que é necessária para fazer com que o texto se pareça com a respiração, natural e vital.
Todo o conteúdo -- muito simples, quase sem adornos, repetitivo até -- está sujeito a essa vontade de colocar o leitor sob o mesmo efeito de encantamento (mesmo que desencantado) que existe na solidão, na contemplação e no silêncio.

Enviado por Tópico
Carolina
Publicado: 27/07/2017 15:20  Atualizado: 27/07/2017 15:20
Colaborador
Usuário desde: 04/07/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 3535
 Re: MUITO POUCO TU, MUITO POUCO TU...
Afinal o Zinho estão tão só que reflete o teu pensamento.
Por vezes temos que parar e pensar na vida, no eu que completa o ser que somos, mesmo acompanhados.

Gostei do jogo de palavras impregnado no poema.

beijinho

Enviado por Tópico
Gyl
Publicado: 27/07/2017 23:14  Atualizado: 27/07/2017 23:14
Membro de honra
Usuário desde: 08/08/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 15149
 Re: MUITO POUCO TU, MUITO POUCO TU...
Deveria ter mais "você", assim não se sentiria tão só, "Seu" Zinho! Andou em círculos se chegou ao ponto de partida. Mas a vida é assim mesmo, Brother das letras. Um forte e fraterno abraço e tudo de bom!

Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 28/07/2017 01:16  Atualizado: 28/07/2017 01:16
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8696
 Re: MUITO POUCO TU, MUITO POUCO TU.../ PARA ROGERIO BEÇA ( ops, gritei) rsrsr
Boxer comentou sobre colocar o leitor sob o mesmo efeito de encantamento , e está com a razão, porque eu me encantei, viu Rogério!

Esse retornar ao ponto de partida , é uma viagem, por vezes, não muito agradável, mas se servir para um auto conhecimento valerá o caminho percorrido.

Bjos

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 02/08/2017 13:54  Atualizado: 02/08/2017 13:54
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29256
 Re: MUITO POUCO TU, MUITO POUCO TU...
é o sentimentos que grita o amor pluralizando os atos de uma paixão insana, poema lindo