https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Carícia

 
Num contorno arredondado,
Desenho um gesto mimado
Na tua cara, que me cobre os olhos
Como um lençol sedoso e sem folhos
Que levanto e aconchego a mim...
Sai-me um dizer em leve carmim
E dou-te meigo açoite com ele
Deixando-te um doce rubor na pele.
Moldo o teu traço, que estudo
Para que não falte o toque de veludo
Em que roço tudo o que tenho
E que te dou no vigor do meu empenho.

Valdevinoxis


Nas troikas não há camaradas e da camaradagem não nascem troikas.


 
Autor
Valdevinoxis
 
Texto
Data
Leituras
560
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/01/2007 23:40  Atualizado: 22/01/2007 23:40
 Re: Carícia
Simplesmente belo...
Quando te leio me sinto melhor

BJNHOS

Enviado por Tópico
lucibei
Publicado: 23/01/2007 00:35  Atualizado: 23/01/2007 00:35
Super Participativo
Usuário desde: 01/10/2006
Localidade:
Mensagens: 138
 Re: Carícia
Tão soft e tão intenso...
Gostei.
Beijo