https://www.poetris.com/
Poemas -> Amor : 

…num eterno lamento

 

Bradam as horas confusas
nos olhos escurecidos do tempo
tão purpura é a cor que paira
nos ruídos perdidos da mente
a noite cala-se sombria
e os gemidos soltam-se ao vento
as mãos poisam tremulas
nos ecos perdidos no dia
num eterno lamento

Escrito a 18/09/19


 
Autor
Liliana Jardim
 
Texto
Data
Leituras
69
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
1
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
bitcoin
Publicado: 11/10/2019 02:13  Atualizado: 11/10/2019 02:13
Da casa!
Usuário desde: 05/09/2019
Localidade:
Mensagens: 293
 Re: …num eterno lamento
a palavra lamento cara amiga, é uma tragédia pior que a pior escrita por um grego/a. sim as gregas são melhores. as melhores tragédias. vivemos numa hipnose permanente e escolhemos, quando escolhemos, quando a breve consciência existe e nos permite tal veleidade escolhemos, e a escolher, deveríamos escolher algo para não lamentarmos, mesmo quando o que escolhemos termina em tragédia. sim, se escolhemos... o melhor de tudo é a liberdade de escolher e viver eheh uma boa noite