https://www.poetris.com/
Sonetos : 

DESMORALIZE(-SE)

 
Tags:  SONETOS 2020  
 
DESMORALIZE(-SE)

É a régua que mede a má conduta
A mesma que remedia sobre a palma!
A dor da repressão no corpo e na alma
Põe o comportamento 'inda em disputa.

Mas se a Moral discrimina viado e puta,
Indiferente a seu imenso trauma,
Justo a Promiscuidade nos acalma,
Face a qualquer certeza resoluta.

Fodam-se os bons costumes: Eu quero éticas!...
Sim, reflexões sensíveis e poéticas
Acerca do que for melhor no instante.

E quem por tentativa-e-erro se almeja
Seu desmoralizar-se, que assim seja:
Certo é não estar certo, sim pensante.

Belo Horizonte - 13 01 2020


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
136
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
0
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.