https://www.poetris.com/
Poemas : 

Dança primária

 
Dance por mim a dança das cadeiras - não se deixe vencer pela diminuição do objeto no acrescento das regras, nessa comunicação.
Eu não soube entender a realidade e deixei passar a oportunidade.
Dance por mim o tango a pares.
Neguei a harmonia na imperfeição dos passos e tudo afinal é melodia, nessa emoção, do corpo a falar o que vai no coração.
Dance por mim o que não fui capaz depois...
...a dois.
Devolve ao passo primeiro. E não ao derradeiro.
À chuva de minha infância.
E à beleza de nossa primária dança.
Embrulhe a saudade, me agarre na mão e me leve a sonhar para esse lugar; a rodopiar nesse salão.
Nessa grata ilusão...


Carpe diem

Open in new window

 
Autor
Violante
Autor
 
Texto
Data
Leituras
64
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
0
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.