https://www.poetris.com/
Poemas -> Amor : 

A Morte em Soneto

 
Open in new window
A Morte em Soneto

A morte é uma treta do caralho
Vida some dos olhos em passe de mágica
Ver é pior que mascar pimenta com alho
Pois a morte é uma realidade trágica

No entorno devir a morte vive
Mar de chamas que me traz os loucos
Descendo ladeiras por longos declives
Como se viver junto a morte fosse pouco

No antro perdido não há lugar para fracos
Na pupila da sombra revelam-se tons opacos
O estertor é feito de uivos de lobos

Quando a morte prevalece sobre a vida
A cobrança vem e é feita em dobro
Pois a morte é a única paga devida

Alexandre Montalvan

 
Autor
montalvan
Autor
 
Texto
Data
Leituras
155
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.