https://www.poetris.com/
Poemas -> Reflexão : 

Os poetas ainda são crianças

 
Quando se vê o mundo de outra forma
Como a maioria não o vê
Quando se enxerga além das circunstâncias
O segredo de viver
Encontramos em nós o pensamento
Que ninguém consegue entender.

Quando se vê a beleza no olhar
O encanto no entardecer
Tudo se transforma com o sorriso
De um amante e seu bem querer
Nasce no coração o amor
Que só a alma pode descrever.

Os poetas ainda são crianças
Porque nunca deixaram de amar
Encontram razão de viver
Enxergam muito além do olhar
Sentem o perfume das rosas
No jardim que se põe a admirar.

No coração dos poetas é assim
Muitos emaranhados de sentimentos
Uma inquietação na mente ao ver
Que nunca haverá apenas momentos
Que precisam andar entre os humanos
Despertando em todos seus pensamentos.

Os poetas nunca deixarão de ser crianças
Porque elas serão sempre inocentes
São elas que vivem a felicidade plena
No seu olhar percebe-se que estão contentes
Então da sua alma pode sair
Os mais belos poemas envolventes.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
132
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
4
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 06/07/2022 22:32  Atualizado: 06/07/2022 22:32
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade: Luxor (Egito) / काठमाडौं (Nepal)
Mensagens: 1521
 Re: Os poetas ainda são crianças
Não é simples que se consiga enxergar além das circunstâncias. Essa talvez seja a maior importância de de jamais perder um lado criança dentro de nós. Seria bom se todos os poetas as mantivessem vivas como seu poema os descreve. Bom imaginar que seja possível. Saudações.


Enviado por Tópico
Quandoachuvacai
Publicado: 07/07/2022 04:30  Atualizado: 07/07/2022 04:33
Colaborador
Usuário desde: 21/10/2014
Localidade: Lisboa
Mensagens: 952
 Re: Os poetas ainda são crianças
Adorei
só as crianças conseguem ver os permonores , o encanto a beleza da vida, a magia pintada nas flores , nas borboleta, a criança sorri...
O poeta faz o mesmo sorri ao descrever os detalhes das flores de tudo porque escrever poesia e qualquer coisa divina...


By.acor