Poemas : 

[ In ] significâncias

 

Como se pudéssemos re
significar o silêncio a cada nova
folha em que o céu se desdobra.

Ilusória esperança que persistimos
em manter.
Mas abismos e labirintos

não cabem na bola esmagada
de um calendário
onde arrastamos o tempo

pautado de cada gesto
e nos perdemos dos lugares do sol
na fuga do vento.




 
Autor
idália
Autor
 
Texto
Data
Leituras
199
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
29 pontos
5
4
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 05/06/2024 02:52  Atualizado: 05/06/2024 02:52
Membro de honra
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 18440
 Re: [ In ] significâncias
Ah, seu poema me pegou pelas imagens inteligentes e perfumadas. Num equilíbrio único. Bjs


Enviado por Tópico
Benjamin Pó
Publicado: 08/06/2024 10:07  Atualizado: 08/06/2024 10:07
Administrador
Usuário desde: 02/10/2021
Localidade:
Mensagens: 484
 Parabéns, Idália! (lusaniversário)
.
Parabéns, Idália, pelo teu lusaniversário (cf. link)

Enviado por Tópico
Abissal
Publicado: 13/06/2024 23:50  Atualizado: 13/06/2024 23:50
Membro de honra
Usuário desde: 27/10/2021
Localidade:
Mensagens: 592
 Re: [ In ] significâncias
Gostei da leitura, como sempre!
Parabéns pelo aniversário, que continues por aqui por muitos anos, sem apagar perfis :) Acho que todos ganhamos com eles.

Abraço