https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Hoje sou rebelde

 
Hoje não me sinto eu.
Sinto o pulsar de outra pessoa…
De uma rebelde que saqueia o que é meu
E a quem a beleza atraiçoa.

Rouba-me tudo o que tenho, a minha riqueza
E o que conheço como real.
E isso pode ser também a minha fraqueza,
Pois está á mercê do que é banal.


Carla Veiga Ribeiro

 
Autor
Carla Veiga Ribeiro
 
Texto
Data
Leituras
1061
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
3
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Junior A.
Publicado: 23/04/2007 19:52  Atualizado: 23/04/2007 20:02
Colaborador
Usuário desde: 22/02/2006
Localidade: Mg
Mensagens: 890
 Re: Hoje sou rebelde
É...
Esse teu, que não teu,
mas sendo, o é.
Por muito insurgente me preocupou em demasia
(Logo pensei na febre mexicana. hehe)
Mas o sendo, nega-nos a palavra,
Que por muito poderia dizer,
Este teu ser, não sendo Tu, você,
Parece que é, aquilo que tentas esquecer.

É o time(derivado de tempo) do que é certo, se depara no tudo que
não vale á pena. Mas estando no buraco por sorrir,
melhor é errar, e estar no buraco por chorar.
As vezes se pensa assim.

Mui bueno Poetisa.

Enviado por Tópico
Tytta
Publicado: 23/04/2007 21:22  Atualizado: 23/04/2007 21:22
Colaborador
Usuário desde: 22/02/2007
Localidade: Portugal
Mensagens: 789
 Re: Hoje sou rebelde
Adorei este misto de rebeldia entre o teu eu e o teu "eu"!
Jinhos, Tytta

Enviado por Tópico
Gilberto
Publicado: 24/04/2007 00:28  Atualizado: 24/04/2007 00:28
Colaborador
Usuário desde: 21/04/2007
Localidade: V.Nde GAIA-Porto
Mensagens: 1804
 Re: Hoje sou rebelde
Belíssimo este poema Carla!

Esta forma rebelde de transfiguração, está excelente!

Parabéns!

Beijinhos