https://www.poetris.com/
 
 
Chuva



Chuva sinal , ora de calma
Ora de raiva ora de revolta
Chuva, feita de sentimentos
Feita de muito e de nada

Chuva, sempre aqui
Como num filme de terror
Acompanham-se tempestades
Acompanhadas de sombras sinistras

Chuva, sinal, ora de paz , ora de
Inquietude em silêncio
Que se faz sentir no coração
Dilacerado pela solidão
Deixado a sangrar
Quando a chuva se aproxima…

Chuva sinónimo de mistério
De profundidade oculta
Onde ocultos estão muitos mistérios
Pelo infinito do tempo que passou

Chuva, sinal de esperança
Sinal de perigo, sinal de vida
Chuva o que me faz compreender
que existe vida
Em tudo o que existe
Em tudo o que vejo
O mundo respira o mundo grita
E chora as suas lágrimas
Em forma de gotas de chuva



Sandra

 
Autor
san
Autor
 
Texto
Data
Leituras
497
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
9 pontos
1
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
António MR Martins
Publicado: 01/12/2008 17:36  Atualizado: 01/12/2008 17:36
Colaborador
Usuário desde: 22/09/2008
Localidade: Ansião
Mensagens: 5064
 Re: Chuva
Sandra,

É nova por aqui, mas trás-nos dois belíssimos poemas, que eu já tive a oportunidade de ler e comentar.
Fico a aguardar novas postagens e pelo que observo no início...vem aí muita qualidade.
Beijinho