https://www.poetris.com/
 
Prosas Poéticas : 

Assaltei o entardecer...

 
<object width="0" height="0"><param name="movie" value="http://www.youtube.com/v/CIghrxxhQYs& ... t;</param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube.com/v/CIghrxxhQYs& ... 0x999999&autoplay=1" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="0" height="0"></embed></object>

Ontem, roubei as palavras que não tinha, ao entardecer. Ele nem deu por nada de tão atarefado que andava a arrumar a casa depois da festa de mais um dia. Era preciso arrumar tudinho nos lugares certos, limpar o que restou do reboliço imprevisto da chuva, pintar o céu de vermelho aproveitando os raios de sol já tão enfraquecidos pelo cansaço da luta contra as nuvens pesadas e poderosas. Era preciso adormecer as campainhas amarelas da Primavera, os brincos de princesa dos canteiros das casas da aldeia toda; convencer os passarinhos tagarelas a calarem-se e a sossegarem nos seus ninhos feitos lá nos ramos cimeiros das árvores.
E as estrelas? Ninguém se lembrou ainda de as acender? É preciso acender as estrelas e já!
Tudo tinha de estar perfeito para ela...
Por fim ela chegou, cintilante e arrebatadora, com o seu vestido de prata e o encanto dos olhares de espanto de todos, espelhado no brilho dos seus cabelos esvoaçantes de deusa da noite.
Foi por ela que o entardecer se distraiu e deixou que lhe roubasse estas palavras com que agora vos descrevo o que realmente se passou.
A lua foi deusa e rainha, brilhou e encantou as almas mais sensíveis.
E mais uma vez, foi musa de poetas e aprendizes... até surgir este novo dia!


Open in new window




*... vivo na renovação dos sentidos, junto da antiguidade das lembranças, em frente das emoções...»

Impulsos

coisa pouca

 
Autor
cleo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
2767
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
19 pontos
19
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 11/05/2009 13:42  Atualizado: 11/05/2009 13:42
 Re: Assaltei o entardecer...
Mesmo sendo roubado,
fico feliz por partilheãres conosco!
Parabéns
Beijinho,

Paulo Galvão

Enviado por Tópico
miriade
Publicado: 11/05/2009 14:11  Atualizado: 11/05/2009 14:11
Colaborador
Usuário desde: 28/01/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 2171
 Re: Assaltei o entardecer...
Esses são os momentos sensiveis, momentos de atenção e agradecimento ao mundo cheio de graça que nos rodea, e que o poeta resgata de um momento intimo, em sua visão privilegiada de bons sentimentos,e consegue partilhar tão lindamente,nessa linda inspiração.maravihloso, beijos Lu

PS: De onde vem a linda musica, nao consegui localizar ..rsrs

Enviado por Tópico
MALUBARNI
Publicado: 11/05/2009 14:53  Atualizado: 11/05/2009 14:53
Da casa!
Usuário desde: 09/05/2009
Localidade: Viila Nova de Gaia
Mensagens: 294
 Re: Assaltei o entardecer...
Lindíssimo, o arrumar cuidadosamente a casa para a chegada da deusa prata.Quanta coisa bela temos e que não reparamos.Parabéns pelo texto.Bjs.Malu

Enviado por Tópico
Vera Sousa
Publicado: 11/05/2009 15:12  Atualizado: 11/05/2009 15:12
Membro de honra
Usuário desde: 04/10/2006
Localidade: Amadora
Mensagens: 4100
 Re: Assaltei o entardecer...
E essa grande musa merece todo o rigor para ser sempre recebida como uma Rainha!

Beijo Cleozinha linda

Enviado por Tópico
Tânia Mara Camargo
Publicado: 11/05/2009 15:15  Atualizado: 11/05/2009 15:15
Colaborador
Usuário desde: 11/09/2007
Localidade:
Mensagens: 4263
 Re: Assaltei o entardecer...
Belo e sensível. Que a musa continue sempre
a produzir nos poetas tamanha inspiração.
Beijos!

Enviado por Tópico
profeta
Publicado: 11/05/2009 16:41  Atualizado: 11/05/2009 16:41
Muito Participativo
Usuário desde: 17/09/2008
Localidade: Monte da Ribeirinha
Mensagens: 79
 Re: Assaltei o entardecer...
Escreves com asas de um entardecer perfeito que amanhece nessa cor de sol por detrás da montanha da alma onde as palavras se espreguiçam d'eternas palpitações...

Um assombro escrito de cadências e compassos desse comboio dentro de mim que descarrila em silêncio pelas saudades dos mantos alaranjados nas viagens que não nos proibem de sonhar...

Um pôr-do-sol para onde vou, das savanas que se amanhecem a perder de vista... até que nos chegue a realidade da próxima estação...

Tudo no seu lugar, dos compassos de quem nem ousa pintar de prata a lua dessa côr laranja das estrelas que brincam nos quintais do sol...

E d'onde te escrevo já longe, num beijo desse passarinho que voou...


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 11/05/2009 17:19  Atualizado: 11/05/2009 17:19
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: Assaltei o entardecer...
Belissima criação poética!Uma linda fantasia! Adorei essa foto,tudo mil em sua página!

Enviado por Tópico
Nitoviana
Publicado: 11/05/2009 20:13  Atualizado: 11/05/2009 20:13
Colaborador
Usuário desde: 10/04/2009
Localidade:
Mensagens: 648
 Re: Assaltei o entardecer...
Gostei do teu imaginário feito das coisas bonitas que nos rodeiam!
Um beijo

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/05/2009 01:10  Atualizado: 12/05/2009 01:10
 Re: Assaltei o entardecer...
Bonito.
A tua alma é linda Cleo.

Enviado por Tópico
joseluislopes
Publicado: 12/05/2009 01:15  Atualizado: 12/05/2009 01:15
Colaborador
Usuário desde: 22/03/2009
Localidade:
Mensagens: 3351
 Re: Assaltei o entardecer...
Minha amiga,
Adorei a forma como docemente foi capaz de construir uma história.
Sem dar conta fui-me arrastando para dentro de um mundo, (ainda BELO) que diariamente nos é oferecido. Pena que não sejamos capazes de o tratar como os seus olhos o descrevem.
BJ

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/05/2009 01:29  Atualizado: 12/05/2009 01:29
 Re: Assaltei o entardecer...
Cleo, li lentamente para nada perder da emoção que a dominou ao escrever esse lindo poema.

Beijos

Ulysses

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/05/2009 02:45  Atualizado: 12/05/2009 02:45
 Re: Assaltei o entardecer...
Luz a grande inspiração dos grandes e pequenos poetas.

Lindo teu poetar

Enviado por Tópico
Amora
Publicado: 13/05/2009 02:07  Atualizado: 13/05/2009 02:07
Colaborador
Usuário desde: 08/02/2008
Localidade: Brasil
Mensagens: 4763
 Re: Assaltei o entardecer...
Minha querida, um espetáculo a tua poesia!

Sobre o teu livro: todo o sucesso está
à tua altura! Parabéns!

Beijoca

Amora


Enviado por Tópico
RoqueSilveira
Publicado: 13/05/2009 17:31  Atualizado: 13/05/2009 17:31
Colaborador
Usuário desde: 31/03/2008
Localidade: Braga
Mensagens: 8225
 Re: Assaltei o entardecer...
Este texto é uma verdadeira inspiração! Muito belo. Beijinho Cleo

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 15/05/2009 00:16  Atualizado: 15/05/2009 00:16
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11186
 Re: Assaltei o entardecer...
Cleozinha,
A magia da lua inspirando-te esta excelente prosa poética.
Bj
Nanda

Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 15/05/2009 19:19  Atualizado: 15/05/2009 19:19
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: Assaltei o entardecer...
Cleo:

Com as palavras que roubas-te ao entardecer,fizes-te um belissimo poema,cheio de encanto e magia.

Muito bonito.

Beijo

Enviado por Tópico
mariamateus
Publicado: 04/06/2009 17:21  Atualizado: 04/06/2009 17:21
Da casa!
Usuário desde: 16/04/2009
Localidade: Vila Nova de Gaia..Porto
Mensagens: 452
 Re: Assaltei o entardecer...
Foi por ela que o entardecer se distraiu e deixou que lhe roubasse estas palavras com que agora vos descrevo o que realmente se passou.
A lua foi deusa e rainha, brilhou e encantou as almas mais sensíveis.
E mais uma vez, foi musa de poetas e aprendizes... até surgir este novo dia!


Querida,


amiga mesmo sendo (roubado este poema
é lindo lindo,meus parabéns poetisa!