https://www.poetris.com/

 
« 1 2 (3) 4 5 »
Offline
glp
O mundo somos nós
O mundo somos nós. Eu, tu e os outros. Todos juntos somos todos e mais alguns. Sabemos que unidos...
Enviado por glp
em 27/04/2009 16:33:51
Offline
glp
O meu monólogo acabou. Agora somos dois.
Subo ao cimo de ti. A tua imagem encontra-se vazia. Sem cor. Solucei monólogos, perdido na altura...
Enviado por glp
em 21/04/2009 19:31:41
Offline
glp
O nosso vinho
Traz-me um copo de vidro fosco, Como aquele onde bebi, em tua casa. Entorna nele o vinho que bebe...
Enviado por glp
em 16/04/2009 00:37:11
Offline
glp
Rua
E ao subir esta rua, vazia, entretanto, Talvez pelo adiantar da hora, Olhei ao redor, na procura ...
Enviado por glp
em 07/04/2009 00:39:53
Offline
glp
Armário Fechado
Custa-me as palavras Que gasto ao te ler. Por vezes não vejo mais Que aquilo que te dás a conhece...
Enviado por glp
em 03/04/2009 13:27:20
Offline
glp
És do meu céu
E porque o céu se reflecte Nas águas deste rio, Te acolho em mim e suspiro. Podes sentir o meu qu...
Enviado por glp
em 31/03/2009 00:15:45
Offline
glp
Carta de Amor
Hoje escrevo para calar a minha tristeza. Definitivamente! É que, nos últimos tempos, algumas coi...
Enviado por glp
em 24/03/2009 21:16:17
Offline
glp
Vem depressa
Vem! Vem depressa, meu amor. Vem abraçar este leito, Sedento de amor. Busco em ti, formosa e lind...
Enviado por glp
em 24/03/2009 15:54:58
Offline
glp
Encontrei e vi!
Encontrei. Finalmente, encontrei. Traduzi em ti a vontade de amar. Em ti coloquei a Luz de forma ...
Enviado por glp
em 22/03/2009 00:42:59
Offline
glp
Subitamente, sou e vejo
Vejo que sou aquilo que não sou. Se serei mais do que isso não vejo. Pois nem sou e nem vejo. Pel...
Enviado por glp
em 20/03/2009 13:25:49
Offline
glp
Tão perto, tão longe, tão perto
Tão perto, tão longe, tão perto! Que vaivém de constante rotina Ao andarmos neste deserto Cheio ...
Enviado por glp
em 19/03/2009 14:39:32
Offline
glp
Alma Coerente
Jamais, pela cabeça, me passaria Te perder neste instante E ter a noção que dia após dia, O meu ...
Enviado por glp
em 18/03/2009 00:11:58
Offline
glp
No Jardim
No jardim, consigo lembrar Daquela noite eterna e te amar. Dos teus cabelos ao vento Espalhando ...
Enviado por glp
em 17/03/2009 12:19:08
Offline
glp
Voar é ser poeta (dedicado ao António MR Martins)
Ser poeta é poder voar. Brincar com as palavras entre as nuvens. Suspirar o ar por entre quimeras...
Enviado por glp
em 16/03/2009 13:55:13
Offline
glp
Oportunistas
A vida é assim... Um dia ganhamos, outro perdemos. Ganhamos por nós, perdemos por nós. Mas també...
Enviado por glp
em 15/03/2009 23:48:08
Offline
glp
Não existes
1 Vou esquecer De gritar por ti E, tão pouco, lembrar Que existes e te perdes Nesta floresta de ...
Enviado por glp
em 13/03/2009 20:44:31
Offline
glp
Palavras Soltas
Chego à lareira e me aqueço. Lá fora a chuva cai em sobressalto. O vento grita. O frio congela as...
Enviado por glp
em 09/03/2009 12:40:51
Offline
glp
Resumo
Desde aquele primeiro dia Te vi perto de mim, Sonhei que talvez podia, Amar-te sempre, sem ter f...
Enviado por glp
em 08/03/2009 13:05:53
Offline
glp
Lobo
Choro ao uivares a clemência na noite. Na fraga alta serves-te das estrelas. A penumbra chama po...
Enviado por glp
em 07/03/2009 00:48:41
Offline
glp
Sem Dinheiro
(dedicado ao homem teso) A desgraça e a pobreza Não há pão sobre a mesa, E o dinheiro, então esg...
Enviado por glp
em 06/03/2009 00:40:15
« 1 2 (3) 4 5 »