https://www.poetris.com/

 
« 1 ... 26 27 28 (29) 30 »
Offline
Liliana Jardim
Quem me dera
Quem me dera saber pintar Desenhar numa tela O que não consigo poetar Quem me dera sabe...
Enviado por Liliana Jardim
em 27/12/2007 00:51:59
Offline
Liliana Jardim
Nesta noite, os anjos velam
Tocou as doze badaladas É noite de Natal O que tem de tão especial? O que difere de outros Natais...
Enviado por Liliana Jardim
em 25/12/2007 22:52:02
Offline
Liliana Jardim
Deixaste-me....
Deixaste-me neste desassossego Neste dilema, nesta inquietação Fincaste o espinho d...
Enviado por Liliana Jardim
em 15/12/2007 06:57:07
Offline
Liliana Jardim
Matas-me ...
Matas-me... de ansiedade quando espero por ti e tu te vás Matas-me... de inquietude quando tenho ...
Enviado por Liliana Jardim
em 14/12/2007 02:31:34
Offline
Liliana Jardim
Tem dias que…
Tem dias que… O nosso coração rejubila de alegria Tem dias que… Tudo nos parece mais radioso Tem ...
Enviado por Liliana Jardim
em 12/12/2007 09:32:22
Offline
Liliana Jardim
Pára louco coração
Dos meus olhos brotam lágrimas amargas No meu rosto transluz esgares de mágoa Do meu peito ânsias...
Enviado por Liliana Jardim
em 08/12/2007 17:34:59
Offline
Liliana Jardim
A dor do declínio
No seu corpo franzido transpira O suor do dia a dia sombrio Mas o seu coração ainda vibra Quando ...
Enviado por Liliana Jardim
em 30/11/2007 16:28:26
Offline
Liliana Jardim
Tu pobre mortal
Tu pobre mortal A vida é sonhar ou a realidade enfrentar É amar sinceramente ou odiar amargament...
Enviado por Liliana Jardim
em 27/11/2007 23:40:45
Offline
Liliana Jardim
Agradeço simplesmente á vida
Agradeço simplesmente á vida O facto de te ter conhecido Provocaste metamorfose No meu ser adorm...
Enviado por Liliana Jardim
em 25/11/2007 20:15:21
Offline
Liliana Jardim
Uma noite a cuidar
Noites incansáveis, dolorosas, sofridas A cuidar de ti, gente que sofre Dores profundas no peito...
Enviado por Liliana Jardim
em 22/11/2007 18:52:35
Offline
Liliana Jardim
Pelas asas do pensamento
Deitada nas pedras da praia Vagueando pelo céu nublado O pensamento esvoaça suave Beijando teu ro...
Enviado por Liliana Jardim
em 16/11/2007 01:55:28
Offline
Liliana Jardim
Partidas do coração
A vida já é tão complicada Somando as partidas do coração Tudo se torna mais complexo Numa simple...
Enviado por Liliana Jardim
em 15/11/2007 10:55:25
Offline
Liliana Jardim
Mon Cheri
Saboreio – te lentamente Deliciosas loucuras assolam minha mente E por segundos imagino o teu i...
Enviado por Liliana Jardim
em 12/11/2007 18:20:41
Offline
Liliana Jardim
Percorro o meu caminho
Percorro o meu caminho O meu fado, o meu destino Ora só, ora acompanhada De amigos, de gente desc...
Enviado por Liliana Jardim
em 09/11/2007 09:06:20
Offline
Liliana Jardim
Imagino-te
Fecho os olhos e imagino-te A música soa docemente A magia da tua dança Aguça-me o pensamento R...
Enviado por Liliana Jardim
em 09/11/2007 01:03:55
Offline
Liliana Jardim
Tive um sonho
Sonhei com folhas secas Sem vida, tombadas no chão Juntei-as uma a uma Colori-as com as cores da ...
Enviado por Liliana Jardim
em 06/11/2007 22:43:06
Offline
Liliana Jardim
Sê testemunha, gaivota
Voa gaivota, voa Mergulha na brisa do mar Observa a tempestade que se vai As nuvens negras da sau...
Enviado por Liliana Jardim
em 06/11/2007 06:50:55
Offline
Liliana Jardim
Obrigado Luso poetas
Quero conseguir encontrar Palavras para descrever Este mês de Outubro especial Que penetrou fundo...
Enviado por Liliana Jardim
em 31/10/2007 20:42:12
Offline
Liliana Jardim
Ela
Olho-a como pessoa Como professora e enfermeira Reflicto no que vejo Vejo alguém comunicativo Olh...
Enviado por Liliana Jardim
em 29/10/2007 00:13:34
Offline
Liliana Jardim
A amizade
"A amizade não tem preço não tem sexo, nem tem cor é algo de infinito... que pode provocar d...
Enviado por Liliana Jardim
em 27/10/2007 21:20:06
« 1 ... 26 27 28 (29) 30 »