https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 »
Textos deste autor
Offline
Eureka
Dª Nereida, minha querida Amiga
Dª Nereida, minha querida Amiga Olha tu aqui, Alma tão carinhosa De cuja infinita bondade Que cr...
Enviado por Eureka
em 09/12/2016 11:12:30
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Alegria do Povo
Havia um tempo em que um pássaro voava por entre os gramados... Não era para bicar um feno, mas...
Enviado por Marcelo
em 20/01/2013 22:42:13
Textos deste autor
Offline
Marcelo
O Despertar de um Sentimento
Teus lábios me fez acordar de um profundo sono, há tempos havia descansado na monotonia dos meus ...
Enviado por Marcelo
em 21/09/2012 16:02:42
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Encontro com a Paz
Nas asas da dor tornei-me sábio, e na loucura deste momento descobri que o solo que pisava não er...
Enviado por Marcelo
em 21/09/2012 15:59:55
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Rosto do Passado
Se observares a moldura de um quadro E na sua pintura não encontrares razão para tal paisagem; En...
Enviado por Marcelo
em 21/09/2012 15:57:53
Textos deste autor
Offline
Marcelo
A Covardia de não ter te Amado
Eu te amo! Muito tempo depois de ouvir esta frase dos teus lábios, ainda busco entender o porquê...
Enviado por Marcelo
em 24/08/2012 13:50:18
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Viaduto do Chá
O Barão de Tatuí tinha mesmo que morar por aqui No Vale do Anhangabaú o bairro nobre onde nasci A...
Enviado por Marcelo
em 24/08/2012 13:45:08
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Pátio do Colégio
Tudo começou no Pátio do Colégio Na paupérrima e estreita casinha Coube a Anchieta tamanho priv...
Enviado por Marcelo
em 24/08/2012 13:43:13
Textos deste autor
Offline
Marcelo
A Corrida pela Vida
Apareço não sei de onde Determinado por alguém Não sei se vou viver Só sei que não estou sozinho...
Enviado por Marcelo
em 22/08/2012 20:09:36
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Viaduto Santa Ifigênia
Começa no largo São Bento e termina em frente à igreja As pessoas passam pelo viaduto Hora por h...
Enviado por Marcelo
em 22/08/2012 20:05:52
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Trinta de Julho
Fernanda! Bem sei que não é para tanto Que empilha teu corpo num canto É possível sentir tua dor...
Enviado por Marcelo
em 22/08/2012 20:03:31
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Simplicidade
Na minha simplicidade eu quis ser tudo Ou ser um pouco deste tudo Eu quis ser o mar na sua pleni...
Enviado por Marcelo
em 24/07/2012 15:39:38
Textos deste autor
Offline
PoetaTulio
Pedro, meu filho!
Pedro, meu Filho! Caminha para a vida e para o mundo o rebento menino já sagrado gerando em si o...
Enviado por PoetaTulio
em 14/07/2012 16:53:19
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Guerreira Mulher
Mulher guerreira Que carregas dentro de ti? Seria a vida que te sorri... Daqueles dias das dores...
Enviado por Marcelo
em 11/05/2012 15:38:53
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Vila Madalena
Maria, Maria, por que choras de arrependimento Em tuas esquinas purpurinas Teus girassóis de pav...
Enviado por Marcelo
em 24/02/2012 22:58:31
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Escárnio das Córneas
Estupefatas meninas zombaram a tua estatura Arregaladas ainda pelas remelas da manhã Arregalou-as...
Enviado por Marcelo
em 24/02/2012 22:55:50
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Se Eu não Matar este Amor
Existe uma tristeza sem fim em meu coração Ao que me parece ela jamais vai desistir Ela aperta o...
Enviado por Marcelo
em 24/02/2012 22:53:42
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Bairro da Luz
Na plataforma ainda queima um cigarro de palha Queima feito brasa na velha Rincão No Rio da Onça ...
Enviado por Marcelo
em 11/02/2012 17:05:45
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Mãe que a todo Filho Perdoa
Oh! Mãe! Quanto tempo que eu não te escrevia Sou teu filho que vem da Bahia Com saudade do abraço...
Enviado por Marcelo
em 11/02/2012 17:03:40
Textos deste autor
Offline
Marcelo
Praça da Sé
Eu bem que imaginei como é O que se passava no coração de José Ao arquitetar a praça ali no marco...
Enviado por Marcelo
em 11/02/2012 17:01:45
(1) 2 3 »