https://www.poetris.com/

Poemas, frases e mensagens de JoaoBL

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de JoaoBL

O sinal

 
Abre-se o livro de madrugada,
Entra o sol através da janela fechada.
Ouvem-se os primeiros sinais de harmonia,
Começa outra vez, um novo dia.
Enquanto a alma desperta
o coração permanece alerta.
Voando na nuvem dos mil sentidos
Os olhos abrem-se enfraquecidos,
Navegando no mar da serenidade
Espera-se por alguém com ansiedade,
Aguardando por novidade,
Que mate toda a saudade.
O silêncio do sonho
Retrata-se acordado e risonho,
Um sinal de um segundo
Abre-nos as portas do mundo.

Este é o meu primeiro poema na comunidade. Tenho 18 anos e admito estar com um pouco de receio das avaliações acerca do mesmo. É um pequeno poema que escrevi num dia em que acordei menos contente. Espero que seja compatível com o gosto de todos.
Cumprimentos.
João
 
O sinal

O que é meu, eu sei... O que é de todos descubrirei

 
Comparo a vida a uma melodia
Sem saber as notas que nos tras um novo dia...
A excitacao de viver e de recordar
as boas memorias de quem nos fez amar

Salvo a humanidade pela escrita,
pela a satisfacao de um sorriso
a passagem de uma palavra bonita,
uma mistura de emocoes sem aviso...

Da minha vida sei so eu,
aquela que tiram e a que alguem me deu,
a forca do nosso ser, amante e corajoso
na calma do meu ser, o meu mundo maravilhoso...

De mim sei so eu,
da felicidade que alguem me prometeu
da magoa que me ofereceram sem rancor,
na dor do meu primeiro amor...

A dor, todos a conhecemos,
somos nos que a damos, fomos nos que a concebemos
temos a tarefa de mudar,
de unirmos as maos e sonhar...

"Se depois de eu morrer, quiserem escrever a minha biografia,
Não há nada mais simples.
Tem só duas datas - a da minha nascença e a da minha morte.
Entre uma e outra todos os dias são meus."

Fernando Pessoa / Alberto Caeiro
 
O que é meu, eu sei... O que é de todos descubrirei

Vontade do querer

 
Comparo a vida com as teclas do piano
Por vezes, com dias claros
Intercalados com dia negros
Ouço tocar a melodia do meu medo,
Escuto uma voz que sussurra
E que me tenta contar um segredo.
Tento fugir de notas baralhadas
Por mais que suba,
Não vejo o fim das escadas.
Cordas prendem-me à parede
Grito, tento escapar e de repente...
Tudo à minha volta cede.
Ouço ao longe o som do novo erguer,
Levanto-me com o objectivo de não me perder
Sei que não posso evitar o sofrimento,
Mas algo não sai do meu pensamento.
Sei sempre o que faço,
Se desistir?
Já estou a meio caminho para o fracasso.
 
Vontade do querer

Ja sei o que vai ser...

 
Hoje quero criatividade

acompanhada de escrita,

servida dentro da verdade

so compreende quem acredita

Para o fim, um pouco de humildade

Recheada com um abraco

Traga-me num amor de barro

A coragem e o doce sabor de um cigarro...

A criatividade nao tem limites,
Tu podes sonhar ser o que nunca vais ser,
Podes fingir ser o que nunca foste.
Mas a verdadeira personalidade, so existe dentro de nos.
 
Ja sei o que vai ser...

Truques de outrora

 
Hoje quis ser feliz e saltar barreiras,
Revivi a altura de todas as brincadeiras.
Viajei por montanhas e vales de esperança,
Vi o mundo através dos olhos de uma criança.
Ri, chorei, caí e me levantei.
Corri, saltei, sofri e amei.
Fiz tudo o que já não sei.
Fui feliz e saltei barreiras.
Revivi a altura de todas as maluqueiras.
Hoje sou criança e aproveito,
Tudo o que a vida me dá eu aceito.
Larguei o stress e a rotina,
Voltei a cortar papel e cartolina.
Aprendi a andar de bicicleta,
Saudei um mundo com uma marioneta!
Voltei a sentir a emoção de receber um presente,
Senti o que uma criança sente.
Hoje pedi pizza para o jantar,
Quis uma musica de embalar.
Pedi um desejo antes de adormecer:
Quero ser criança, quero sorrir sem ter que sofrer.

Após uma longa ausência, espero que este pequeno poema se encaixe nos gostos de todos nós. Por vezes, falta-nos libertar a criança existente em nós, aquela atitude espontânea que todos temos. Não falo de mim, mas dos que me rodeiam.
Um grande cumprimento para todos os leitores, escritores e apreciadores.
 
Truques de outrora

Toque de prazer

 
Calafrios no peito quente
Ecoa vontade emergente
Alto da proa da paixão...
Arde, queima, sente!

Peripécias, aventuras ao relento
Olho para ti... Atento
Estudo-te no auge do querer
Para mim, para ti... Prazer

J.B - Recriação
 
Toque de prazer

10 segundos em ti!

 
Esse sorriso é o meu tesouro!
O teu toque o meu conforto,
Nesse olhar o meu sonho...
Os teus lábios o meu sabor
Tudo em ti o meu amor!

Que nada te mude, como tu mudaste a minha vida!

De que vale ter asas para voar, se não temos ninguém para o partilhar!
 
10 segundos em ti!

Tu e eu

 
Tu e eu
 
Hoje acordei virado para ti
Abri os olhos e não te vi
Incendiaste-me ardentemente a alma
Inundaste-me com a tua calma
Por vezes forte, por vezes apaixonante
Tranquilizas o olhar de um final triunfante
Abres-me portas para uma nova jornada,
Fazes com que a escuridão seja iluminada.
A serenidade de quem te olha
É algo admirável de se ver.
Juntas-te ao mar com perfeita harmonia
És relaxante, és exuberante...
És inatingível...
Fazes-me sonhar, de um dia ir e não voltar.
Fazes-me sonhar, fazes-me imaginar...

"I love the Sunset, it brings me back the moon!"

Joao
 
Tu e eu

Perdoa-me

 
Desculpa se não olhei,
quando devia ter olhado
Desculpa se não escutei,
mesmo estando a teu lado
Desculpa se não liguei,
não quero ser mal interpretado
Desculpa se me ri,
quando devia ter chorado
Desculpa se não te ajudei,
depois de teres tropeçado
Desculpa se me apaixonei,
logo após te ter beijado
Desculpa se falhei,
apesar de ter jurado
Desculpa se te amei,
mesmo que não achasses ter significado,
Desculpa-me por te amar,
só quero ser amado
 
Perdoa-me

Eu acredito nas pessoas

 
Ainda bem que falamos
ha algo que me esta a incomodar!
quem e voce? sabe em que mundo vivemos?
seja bem vindo ao meu altar...
capaz de ser dos poucos com a forca para falar,
de pensar no que e preciso
dar uma opiniao consistente
sem obrigacao aparente
ter que falar do mundo,
que epoca e esta tao egoista?
receber e raro sem pedir troco...
,
quem acredita nas pessoas incondicionalmente
nao quer troco nem oferece magoa...
faca como eu,
sofrer e pessimo eu sei
mas vamos dar as maos
sim, dar as maos
perdoar, sorrir, amar, juntos vamos mudar!
,
Eu acredito no mundo e nas pessoas
acredito que podemos ser melhores...

Eu acredito... e voce?
 
Eu acredito nas pessoas

Será que sei?

 
Dou comigo a olhar o chao,
Nao sei o que perdi
Sei o que nao achei

Nao sei quem fui
Nao sei quem sou,
Sera este o final que me conclui?...
 
Será que sei?

Anseio por ti

 
Diariamente me pergunto se existes, se por acaso, és real! Pergunto-me se fazes e pensas o mesmo que eu... Se imaginas como serei tal como o faço por ti. Já acreditei mais na tua existência, divago se já te conheço ou se ainda estás por aparecer...
Vem, não tenhas medo, vergonha talvez? Vem apaixonar-te, quero o mesmo. Dá-me um sinal!
Desejo por essa nossa aventura, pelo romance. Tenho saudades tuas.
Aparece por favor, é tanta a ansiedade por ti!

Esperando que ocorras!
 
Anseio por ti