Poemas, frases e mensagens de Júliagirão

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de Júliagirão

Amor instável

 
E tu que me trouxe a graça e o paraíso

Agora apaga de mim o sorriso

Tira de mim o conciso e me traz o inexato

Deixa meu coração sem aparato

Faz-me candidato à insensatez

Talvez eu não suporte o fardo

Mas ainda guardo no peito um pedaço puro

Que me faz suportar cada apuro que passo

E que é capaz de desfazer os laços da minha dor.
 
Amor instável

Busca

 
Um nó é feito
Em cada fio estreito
Em cada extremidade do meu peito
Traz- me cegueira como efeito
Cheiro seu dilata minha narina
Fazendo me inspirar angústia e adrenalina
A garganta engasga o gosto frutal do seu beijo Boêmio vou pelos cantos
Cantando melodias com encanto.
E só comigo ,
Vai a ganância e a pureza do amor...
Sumo no mundo seguindo seus rastros,
Resquícios de valor
Permaneço pesado e nefasto
Ao que estiver no caminho do seu rastro
Insisto ...
Mas só o que encontro são restos de astros ...
 
Busca

Noite

 
Escura noite serena e fria,
Sempre tardia,
Porque demoraste ?
Esperei todo um dia !

Vem e traz a lua,
Pequeno foco de luz no céu se observado de longe,
Irradia a negritude do meu Corcell
E ofusca até um diamante.

Adiante na estrada,
Não vejo nada,
A não ser a madrugada,
Logo após tomada pelo pôr-do-sol.

Ó noite porque me abandonaste?
O dia é tedio,
Mas a noite é selvagem
E espero pacientemente que volte mais tarde !
 
Noite

Volte pra mim

 
Compreendo

Que posso preencher o seu vazio.

Vamos tentar novamente,

Volte com suas grosserias,

Pois continuo inocente,

Preparada para sofrer.

Não há nada mais lindo que a paixão!

Preocupe-se denovo,

Perca a razão ,

E me destrua,

Se é o que manda o seu coração.

Olhe para este céu,

Tape seus ouvidos,

Espanque meus membros como sempre faz,

Mas volte com essa alucinação.

Volte pois sempre estarei aqui,

Eternamente vou estar em busca dessa ilusão.

Sei que machuca,

Mas perco a noção.

Pertenço a você!

Sou uma objeção,

E vivo desse castigo!
 
Volte pra mim

Amor Secreto

 
Eu poderia estar agora triste
Talvez eu ainda esteja
Eu deixei todo meu amor em você.
Meus olhos brilham
Brilham por você.
Minha cabeça gira
Só pensa em te ter
Aqui nos meus braços.
Estarei aqui
Sempre a imaginar
Como seria
Se um dia você
Percebesse meus sentimentos por você
Seu um dia você conseguisse compreender
Que eu me afasto
Que eu estive longe porque amo você.
Mas você sempre esteve livre
De pensar coisas boas de mim.
Você predomina meus sonhos
Incansavelmente
E nem passa pela sua cabeça
Que alguém aqui te ama.
 
Amor Secreto

Fixação

 
Oh meu querido

Você habita meus pensamentos

queria muito

entender essa intensidade dos teus olhos.

Pois eu te amo nos meus sonhos

e tal coisa a realidade não saberá fazer.

Nas minhas madrugadas eu durmo sem temor

pois meu sonho mais perverso é ganhar o teu amor.

O meu beijo mais sincero pertence a ti.

Se de ti não sou

de ninguém jamais eu ei de pertencer!
 
Fixação

Orgulho

 
Quando não se pode dizer não

Frente a um olhar são e distante

A dor não se permite ser amante do amor

Dos sonhos só restam memórias sem cor

Diante do seguinte instante

Qualquer alegria perde o sabor

E no relance de olhares perdidos perdeu-se a força e o destemor

Porém erguesse a recusa a uma ação errante

Já que não se paga com flor um amor inconstante.
 
Orgulho

Perdida em pensamentos

 
Os acasos geram dúvidas

Como de estar ou não estar

Como de ficar ou não na angústia

E como evitar ou não a culpa

Interrogações que podem me tornar em pura indiferença

Pondo-me a flutuar alto e sem deficiência

Muito além do ar da ciência astuta do meu pensamento

Mas tenho consciência de que em um momento irei retomar meu sofrimento.
 
Perdida em pensamentos

Desopilar

 
Parei agora meu estigma

Intencionando desopilar o espírito que me habita

Chamei o alto controle de forma defensiva

Por segundos me sentindo em outra vida

Se essa alegria hedionda não me deixar saída

Inflamarei meu peito em contra-partida

Para que meu ego não fuja

E procure refúgio noutra capa depressiva.
 
Desopilar

Livre do Tormento

 
A cada momento que passa
melhoro meu passo
sou diferente
meu coração palpita inocente
enquanto outros corações pulsam vadios.
Estou sonhando
ou pareço sonhar
pois a cada linha que escrevo
consigo consigo sentir uma paz me fazendo levitar....
 
Livre do Tormento

As Perpétuas Grades do Amor

 
Estou tremendo de frio,
Procurando dentro da tristeza
Um caminho para fugir do amor,
Que só me tortura
E me confunde.
Meus olhos gritam...
Já não conseguem mais chorar.
Estou perdendo e encontrando
O sentido de viver.
Perdi minha lucidez,
Você pode sentir o que eu estou sentindo?
Você consegue entender o motivo ou a razão pra que eu viva nessa depressão?
Não foi por razão ou coisa outra qualquer,
Minha máquina de vida
Já não suporta tal pressão
Dos sentimentos em confusão.
Meu coração bate forte e dói...
A cada lágrima que em meu rosto vem a cair...
Eu queria partir para um lugar bem distante
Bem longe daqui,
Queria sair desse labirinto tortuoso e obscuro
Em que o amor me prendeu.
Vou morrendo
Enquanto minhas válvulas vão sendo cortadas,
enquanto prossigo minha última respiração.
Tudo fica em contraste,
Tudo se unifica,
Tudo desaparece ao meu redor
Perco aqui todo meu movimento vital !
 
As Perpétuas Grades do Amor