https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

A minha rua

 

Esta rua
Sem lua
É uma rua tão escura
E porque a noite dura
Duram instantes
De leve candura
Que brilha salteada
Em janelas vigilantes
De nada
Ou porventura
De um segredo
Que não sai á rua
Sem lua
Porque até da noite escura
Tem medo.

Esta rua
Sem lua
É uma rua tão escura
É onde a aventura
Se adivinha
É onde mora a loucura
Que podia ser tua
Que podia ser nossa
Mas é só minha
Só minha até que possa
E ainda bem
Porque a solidão
Quem a tem
Não tem nada
Nem é nada que se partilhe
Até que estenda a mão
E se humilhe.

Esta rua
Sem lua
É uma rua tão escura
Que me guarda infeliz...
Ai como é dura
Esta cama que fiz
E fria que arrepia
Como um amanhecer destapado
Aos olhos de estranhos
Só por um dia
Me ter lembrado
De me cobrir de sonhos.

Esta rua
Sem lua
É uma rua tão escura
Que não me atenua
Apenas apura
A nobre vergonha
De quem sonha
Com outros valores
Mas outros se levantam
E desencantam
Os sonhadores
E porque a vida cansa
Em mim apenas
O corpo cheio de penas
Descansa.

bloackt


Nascer para ser feliz

 
Autor
bloackt
Autor
 
Texto
Data
Leituras
536
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.