https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Shhhh … É ENTRE UM homem E UMA MULHER

 

Vejo-te (/beijo-te) e não sou eu
E mesmo assim beijo-te (/vejo-te)
Merda!

Shhhh … …
Não vás por aí

Ordinário! Caminho que renego

Perdoo-te
Como quando foste sanguinário
Lembras-te?
Quando te apossaste do meu ‘Superego’
Fronteira antes sonegada
Por filigrana inviolada
Não há dúvida
Preparaste bem o trilho de outras
Que haverias de descobrir em mim
Melhor assim
Do que andares por aí “feito nim”
D’escafandro ou camaleão
Coração pardo do rateio

Astuta
Nunca te omitiste da labuta
Sempre manobraste a geografia dos teus lugares
Para que
Por entre cefaleias oníricas transpiradas
Fosses tu qu’eu visse ao chegares

Vem
Repousa em mim
A dislexia da tua retina
Ai, con(-)dor
Sim
Mas o sémen com que mitigas
A tua bicada de necrotério
- Em mais esta que p’ra ti se pariu
Não te aflijas!, é obra do teu magistério
Shhhh, usufrui
Não me dês palavras fatigadas,
Prefiro o silêncio

Shhhh, eu vejo-te, e sim, sou eu
E beijo-te.

 
Autor
FrancisCorreia
 
Texto
Data
Leituras
513
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 29/07/2010 15:53  Atualizado: 29/07/2010 15:54
 Re: Shhhh … É ENTRE UM homem E UMA MULHER
Um bom poema, uma boa leitura.
A cada poema descubro novas facetas. Um prazer.