https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

A culpa

 
Meu bem não se assuste
Se um dia acordar e sentir a vida mais bela e doce
A culpa é minha
Fui eu que mandei um querubim lhe tocar com a flecha da paixão

Meu bem não se preocupe
Se uma dorzinha no peito lhe afligir de vez em quando
A culpa é minha
Fui eu que roubei de ti o amor que eu não tinha e tanto queria

Meu bem não se espante
Se borboletas e pássaros seguirem seus passos o dia todo
A culpa é minha
Fui eu que pedi a natureza para alegrar seu dia na minha ausência

Meu bem não chore
Se um dia, à noite, vir uma chuva de estrelas em noite sem luar
A culpa é minha
Fui eu que pedi a elas que dançassem quando se sentisse sozinha

Meu bem não se zangue
Sei que não é certo brincar de Deus pra lhe fazer caprichos
Mas a culpa é sua
Que me deixa embriagado de paixão e sem limites para sonhar


Mário Piccarelli

 
Autor
Mario Piccarelli
 
Texto
Data
Leituras
742
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.