https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

O Amor

 
Tags:  amor    sentir    querer    ardente    lucidez    ludibriar  
 
O Amor
 

*-_-*O Amor*-_-*

Tal sentimento que me transborda,
Sem consciente, lúcido, não absoluto!
Pensamento intemerato e oculto,
Transgride o ostentar que me corta.

Momento cujo qualquer aspecto,
São pensamentos que fervem sátiros,
Coração ascético de aprenderes aptos,
Aos sentimentos que o julga circunspecto.

Despercebido passa o chão que piso,
Torna-se vínculo, à minha desenvoltura,
Tal sentimento intenso. Meu friso!

Que me traz alento benevolente,
Sem delinear a avidez que me perfura,
Mistificando a alma da minha mente.


oO Regougar))

Autoria: oO Regougar de Um Pensamento
 
Autor
oORegougar))
 
Texto
Data
Leituras
829
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.