https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

A pedra da calçada do chão que me guia a casa

 



Um amigo falou-me da minha tolice,
eu desesperado, consciente, lhe disse:
- È uma tolice que o meu ser ama!
Mas a amo com tal grandeza,
que do meu amor tenho a certeza,
minha alma não se engana.


Esse amigo disse que ela não me quer,
eu quero lá disso saber!!!
(disso sei, por isso sofro, com isso vivo)
Só me resta agarrar-me a este desejo
por tudo o que sinto quando a vejo
que agarra, me prende e me traz cativo...


É a pedra da calçada do chão que me guia a casa,
é a pessoa em que penso quando penso amar alguém,
é o sol da manhã que ilumina o meu coração,
por ela coro, choro, adoro, ignoro, namoro.
é um sorriso parvo, ignóbil, dimples que deploro
é, para já, a minha única e derradeira perdição!!


É um aperto tão forte no peito,
que parece ser difícil viver
sem saber que ela existe
seja comigo ou outro alguém;
É a ela e a mais ninguém
que o meu ser não resiste!


A minha pátria é a língua portuguesa.
Bernardo Soares

Saibam que agradeço todos os comentários, de coração...
Por regra não respondo.



 
Autor
Rogério Beça
 
Texto
Data
Leituras
794
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
15 pontos
1
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
IsabelRFonseca
Publicado: 13/12/2018 10:42  Atualizado: 13/12/2018 10:54
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2013
Localidade: Algures em Portugal
Mensagens: 2722
 Re: A pedra da calçada do chão que me guia a casa


Parabéns pela pedra da calçada


Mas a amo com tal grandeza,
que do meu amor tenho a certeza,
minha alma não se engana.




um abraço Rogério Beça