https://www.poetris.com/
 
Datas Especiais : 

AINDA HÁ QUEM DIGA QUE ISTO NÃO EXISTIU

 
(70 anos após o fim d 2ª Guerra Mundial)


“Trabalhar dá saúde”, lia-se no portão
De Auschwitz fim de todas as esperanças
Onde as frágeis flores no fim da estação
Separadas assistiam às hediondas matanças.

Judeus, homossexuais, ciganos e demais
Trabalhavam enquanto as forças permitiam
Com um naco de pão abaixo dos animais
Como coisas eram gaseificados e assim morriam.

Depois em valas comuns e em fogueiras ao léu
Perdiam toda a dignidade e iam para os fornos…
Crianças fugiram a Mengel e veio o escarcéu

Quando então em debandada os nazis fugiram
Quando os monstros foram pegos pelos cornos…
Pelos soviéticos salvando os que resistiram.

Jorge Humberto
02/02/15



 
Autor
jorgehumberto
 
Texto
Data
Leituras
738
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
-1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 02/02/2015 18:38  Atualizado: 10/02/2015 21:06
 Re: AINDA HÁ QUEM DIGA QUE ISTO NÃO EXISTIU
.