https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

NUBLADA

 
NUBLADA
Autor: Carlos Henrique Rangel

Nubla-me a alma
Essa cansada de “nãos”...
Você não será minha
E toda a minha devoção
Não passa de uma doce tortura...
Essa ferida aberta no coração.
Mesmo presente
Distante estou do sucesso...
Esse que almejo
Essa fantasia que me permito viver.
Se há futuro?
O futuro é esse presente de carência...
Essa alma nublada
Que se arrasta pensando em você...


 
Autor
PROTEUS
Autor
 
Texto
Data
Leituras
562
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
32 pontos
6
5
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 09/07/2015 11:51  Atualizado: 09/07/2015 11:51
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29490
 Re: NUBLADA
Um porma com uma linda formosidade.

Dentro de nós fica as essências dos momentos, onde duas almas se amam, causando as onicas saudade.


Enviado por Tópico
Tsarina
Publicado: 14/07/2015 13:26  Atualizado: 14/07/2015 13:26
Participativo
Usuário desde: 13/07/2015
Localidade: Parságada
Mensagens: 28
 Re: NUBLADA
Mais um poema que merece aplausos!

T.Alencar


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 14/07/2015 16:08  Atualizado: 14/07/2015 16:08
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 17344
 Re: NUBLADA
Proteus
Mesmo presente
Distante estou do sucesso...
Esse que almejo
Essa fantasia que me permito viver
.
Belo e sentido poema! Beijos!
Janna