https://www.poetris.com/
 
 
Estou zangada com a vida

Revoltada e possuída

Tenho saudades de ser recruta

Tenho saudades de dormir em pé, numa praxe cruel

Tenho saudades da mochila com ração de combate

Tenho saudades de matar galinhas com os dentes

Tenho saudades do peso das botas a mil, acrescido do peso do cantil

Tenho saudades do desafio com cheiro a perigo

Tenho saudades de rastejar e de na lama andar

Tenho saudades de pular o muro fora de horas para que o castigo não me chegasse

Tenho saudades de tudo o que já não me aborrece

E agora de mochila em punho em missão eu ia


Rumo ao desconhecido desafio com sabor a magia

Numa missão não somos nada e somos toda a diferença










Ana Cristina Duarte

Ana Cristina Duarte

*@
Na praia à noite ao luar
X
 
Autor
Anacduarte
 
Texto
Data
Leituras
1007
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
31 pontos
15
4
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 23/10/2015 20:15  Atualizado: 23/10/2015 20:15
Colaborador
Usuário desde: 20/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 7661
 Re: Revolta
Mochila repleta de saudades. Espero que 99% delas se concretize num futuro não distante.

Belo! Adorei, me lembra minhas saudades perdidas no tempo- parabéns.
Abraço!
upanhaca


Enviado por Tópico
Maryjun
Publicado: 23/10/2015 23:39  Atualizado: 23/10/2015 23:39
Membro de honra
Usuário desde: 30/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 6954
 Re: Revolta
Boa noite, Anacduarte,

Belíssima revolta.Parabéns!!

Beijos,
Mary Jun

Open in new window


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 24/10/2015 07:48  Atualizado: 24/10/2015 07:48
 Re: Revolta
junto ao mar, numa noite de luar, pede mergulho e umas braçadas para aliviar. um abraço


Enviado por Tópico
OHM
Publicado: 24/10/2015 08:03  Atualizado: 24/10/2015 08:03
Muito Participativo
Usuário desde: 17/10/2015
Localidade:
Mensagens: 65
 Re: Revolta
Podemos tirar a mulher do militar mas nunca tiramos o militar da mulher

Qual é o dia que chegas a casa e dizes pai vou voltar

Um beijo

Atencao as horas


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 24/10/2015 14:43  Atualizado: 24/10/2015 14:43
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29997
 Re: Revolta
A saudade é a essência daqueles belos momentos que ficaram. Somente não sente saudade aquele que nunca amou. Muita vezes uma revolta são pedaços dos instantes que nossas alma se ocupou de algo.


Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 24/10/2015 19:30  Atualizado: 24/10/2015 19:30
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 10240
 Re: Revolta
Boa noite Ana esta nossa natureza é engraçada, o que em dado momento nos atormenta, em outros nos fazem falta, e os teus versos retratam este nosso antagonismo com muita primazia, parabéns pelos incisivos versos, um abraço, MJ.


Enviado por Tópico
JCJ
Publicado: 26/10/2015 22:56  Atualizado: 26/10/2015 22:56
Da casa!
Usuário desde: 15/10/2015
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 368
 Re: Revolta

um inteligente texto.
Vou brindalo com uma taça de cristal, com cartuxa tinto.
Pelos conhecimentos de uma autentica combatente.
Bravos.
Que de braços abertos em uma solitária praia lhe saldam.
Beijos.
JC


Enviado por Tópico
s.i.s
Publicado: 11/12/2015 20:33  Atualizado: 11/12/2015 20:33
Muito Participativo
Usuário desde: 30/11/2015
Localidade: São Paulo
Mensagens: 85
 Re: Revolta
Tomar atitudes com sentimentos de revolta, as vezes leva a pessoa por caminhos que não era para ser.