https://www.poetris.com/
Poemas : 

intimidade

 














a paixão
na altura do peito
molda a flor
tecida
no leito

da boca
com rosada cor,
brota a seiva
no primeiro suspiro
da leiva

do ventre
frondoso e macio,
brota o rebento
da funda raiz
silente

do corpo
desperto na manhã,
rasga-se o botão,
a pétala
abre-se em defloração






Zita Viegas















 
Autor
atizviegas68
 
Texto
Data
Leituras
189
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
46 pontos
12
5
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 12/02/2018 16:04  Atualizado: 12/02/2018 16:04
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 15134
 Re: intimidade
Zita
Parabéns! Poema esplêndido!
Beijos!
Janna


Enviado por Tópico
Lucineide
Publicado: 13/02/2018 15:15  Atualizado: 13/02/2018 15:15
Colaborador
Usuário desde: 06/12/2015
Localidade:
Mensagens: 1177
 Re: intimidade
Muito bom! Parabéns! 👏 👏


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 13/02/2018 15:52  Atualizado: 13/02/2018 15:52
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 11433
Online!
 intimidade P/atizviegas68
Linda poesia, apaixonada, adorei, beijinho Vólena


Enviado por Tópico
Rogério Beça
Publicado: 13/02/2018 18:05  Atualizado: 13/02/2018 18:07
Colaborador
Usuário desde: 06/11/2007
Localidade:
Mensagens: 1434
 Re: intimidade
A flor começa e acaba, servindo de introdução e conclusão.
As alusões a terra prosseguem, e, como o tema é "intimidade", há uma sensualidade latente, na seiva que brota da boca, na leiva (tive de ir ver ao dicionário) e acrescenta força.
Que forte segunda estrofe, aliás.
A linguagem é tradução de intimidade sim, sendo subtil, mas também bastante objectiva.

Como estabeleces uma figuração de tempo na última estrofe com "...o corpo desperto da manhã..." colocas-nos nesse "leito", sem ter bem a certeza das horas, mas fazendo parte dum qualquer jardim,
raízes e tudo.

"...da boca..."
"...do ventre..."
"...do corpo..."

Abraço


Enviado por Tópico
Joel-Matos
Publicado: 15/02/2018 20:35  Atualizado: 16/02/2018 16:24
Subscritor
Usuário desde: 24/02/2017
Localidade: Setúbal, Portugal, Azeitão
Mensagens: 1217
 Re: intimidade
Não é ferida,
É carne viva,
Não só sinto,
Como ind'a vivo


Enviado por Tópico
LuízBernardo
Publicado: 15/02/2018 22:06  Atualizado: 15/02/2018 22:06
Da casa!
Usuário desde: 16/02/2017
Localidade:
Mensagens: 316
 Re: intimidade
Belos e sensuais seus versos, parabéns.
Abraço querida.