https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Estranha Forma de Amar

 
Me ama de forma estranha
Mas sei que é amor, chama
Que chama para a façanha
Pira que pira pela cama.

Talvez apenas me engana
Dizendo-me mil mimos
Com teu olhar de cigana
Arrebata-me aos cimos

Das mais altas montanhas
Depois me faz de planície
Deixando assim tão tristes

As minhas meninas castanhas
Dos meus olhos que olhos tem
Somente para você, meu bem
Que assim em mim se assanha...

Depois finge que não vem
Do nada vai-se embora
Dizendo que já é hora
Eu fico a pensar além...

Será que há outro alguém
Que o meu lugar ocupa?
Sinto-me ninguém
E ponho em mim a culpa.

Talvez eu seja o erro,
O acerto que não veio...
Choro um choro meio
Parecido ao de enterro.

Então eu grito aflito.
A dor ecoa nos montes
Daqui, de Belo Horizonte,
Meu pranto de argênteo líquido...

Meu sonho com teu sonho voa
De mãos dadas rumo ao infinito.
Não desfaça desse sonho bonito
Ao qual você simplesmente povoa!

Me queira como eu te quero
Me faça refém da tua teia
A minha alma de ti se incendeia
Venha, meu amor! Eu te espero!


Gyl Ferrys

 
Autor
Gyl
Autor
 
Texto
Data
Leituras
320
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
30 pontos
12
5
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Juanito
Publicado: 22/05/2018 09:30  Atualizado: 22/05/2018 09:30
Colaborador
Usuário desde: 26/12/2016
Localidade: España
Mensagens: 2662
 Re: Estranha Forma de Amar
Muito belos versos de amor, estimado amigo!

Meus parabéns e um abraço!


Enviado por Tópico
IsabelRFonseca
Publicado: 22/05/2018 09:43  Atualizado: 22/05/2018 09:43
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2013
Localidade: Algures em Portugal
Mensagens: 2705
 Re: Estranha Forma de Amar
Talvez eu seja o erro,
O acerto que não veio...
Choro um choro meio
Parecido ao de enterro.

Parabéns ai amor amor
um abraço Gyl


Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 22/05/2018 10:11  Atualizado: 22/05/2018 10:11
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 6305
 Re: Estranha Forma de Amar
E apesar de tudo a veneras, a amas e tens olhos só pra ela, isso qu é verdadeiro amor, bem retratado nestes encantadores versos. Que seja tua pra sempre.

Abraço!
upanhaca


Enviado por Tópico
Carii
Publicado: 22/05/2018 10:32  Atualizado: 22/05/2018 10:32
Colaborador
Usuário desde: 28/11/2017
Localidade:
Mensagens: 1772
 Re: Estranha Forma de Amar
Um amor que só quer ser reconhecido.. um amor que apesar de estranho na sua forma.. é um amor sentido e que quer ser vivido. Fico encantada sempre que passo por aqui. Adoro ler-te querido Gyl. Beijos!


Enviado por Tópico
Maryjun
Publicado: 22/05/2018 21:45  Atualizado: 22/05/2018 21:45
Membro de honra
Usuário desde: 30/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 6447
 Re: Estranha Forma de Amar
[i]Boa noite, Gyl,

Creio que seja apenas uma rica inspiração poética.
Belíssima forma de amar!Parabéns, amei e levei!

Um abraço,
Mary Jun
[/i]


Enviado por Tópico
AntónioFonseca
Publicado: 23/05/2018 00:25  Atualizado: 23/05/2018 00:25
Colaborador
Usuário desde: 31/05/2013
Localidade: Portugal
Mensagens: 617
 Re: Estranha Forma de Amar
Quando se ama de verdade alguém é mais que um sentimento forte.
É uma decisão, uma entrega de corpo e alma.
Amar significa entregar-se sem garantias, com a esperança de que nesse amor faça feliz a pessoa amada.

Parabéns pelo seu poema poeta Gyl.
Abraço