https://www.poetris.com/
Poemas : 

PÃO

 
PÃO
- João?
- Que é joão?
- Me dá um pão.
- Claro que não joão.
- Por que não João?
- Porque sou o seu patrão.
- Mas se é o meu patrão, não trabalho para ganhar o pão?
- Sim, joão, trabalhe então.
- Mas é o que faço João... Todos os dias faço pão.
- Então?
- Então... Só ganho uma fatia do pão...
- Então...
- Então, para onde vai o restante do pão?
- Para o dono da farinha, do ovo e do fogão.
- Mas sou eu quem faz o pão!
- Sou eu o seu patrão... Contente-se com o seu pedaço de pão.
- Não é justo João.
- O mundo não é justo joão.
(Proteus).

 
Autor
PROTEUS
Autor
 
Texto
Data
Leituras
73
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.