https://www.poetris.com/
Poemas -> Amor : 

A Fantasma

 
Open in new window
A fantasma

Nesta noite eu senti um beijo frio
Dei um pulo acabei caindo no vazio
No silencio oco alguém grita... psiu!
Esta fantasma me deu calafrio

Eu levantei pra ver quem me boliu
Ela disse: eu quero ser gentil!
Portanto pensei puta que o pariu
A fantasma me prepara um ardil

Levo a mão a minha cabeça e penso
À toa eu levei este susto imenso
Ainda bem que não sou um hipertenso

A fantasma olha com ar suspenso
Vou dar um beijo quente e compenso
Sua cara assustada e olhar intenso

Alexandre Montalvan

 
Autor
montalvan
Autor
 
Texto
Data
Leituras
108
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.