https://www.poetris.com/
Poemas : 

O Artesão de Versos

 
O que se fez daquele garoto loiro visto a singrar num barco ébrio
Embarcado sem saída numa existência trágica, quiçá um exilado
Quiçá seduzido por antigas vozes imêmores nas voltas do tempo
Paladino das palavras a avançar pelas noites desenhando poemas
O poeta a traduzir e inventar alquimias coloridas do vocabulário
Sem ter conta do tempo passado a quem é tão-só uma tribulação
No mister de agregar letras feitas de anseios qual cativar estrelas
Para romper os desvãos do silêncio nas primevas tardes outonais
O caos que cala os ouvidos, restando apenas vozes em monólogo
Vejo os egos do cotidiano a exibir sua linda amante e não a amam
Nem ao menos lhe fazem amor pois vivem de apologias e delírios
O poeta não fabrica versos, é antes artesão a burilar os vocábulos
Nesse trato artesanal alforria os sonhos aprisionados nas mentes
Na varanda, à cadeira de balanço a poesia está além do horizonte
Para transmutar em luz o conceito de infinito e segui-la ao longe
Sobre a imensidão do mar e sentir a saudade do que nunca se viu
Entre a manhã que já se avizinha e a noite que sussurra mistérios
Há um hiato no tempo, um som de violino, horas se tardam advir
A aurora em confessa delicadeza vai testemunhar das entrelinhas
O dever que, ainda na sombra do vazio, ousemos adentrar o eterno



Dor e angústia protagonizam o show
Quando a noite vem, a mágica se faz
Nasce o poema das entranhas feridas
Então, abro as asas e voo ao infinito.




 
Autor
Mr.Sergius
 
Texto
Data
Leituras
170
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
6
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Erotides
Publicado: 15/09/2021 13:45  Atualizado: 15/09/2021 13:45
Colaborador
Usuário desde: 26/02/2020
Localidade: Brasileira
Mensagens: 1458
 Re: O Artesão de Versos
.
Desejaria o sossego mas os poemas não deixa ,sou sua escrava
A mente inquieta não consegue ficar sem pensar ainda não vejo o porquê dessa luta.

Adorei seu poema, expressar sentimentos nos eleva .

Eu como leitora, é como o sol quando o entendimento acendi quando uma flor nasce de um pensamento surge outro .

Talvez o maior desafio do generoso poeta é fazer o leitor produzir sua própria poesia


Enviado por Tópico
Odairjsilva
Publicado: 15/09/2021 23:21  Atualizado: 15/09/2021 23:21
Membro de honra
Usuário desde: 18/06/2010
Localidade: Cáceres, MT
Mensagens: 3619
 Re: O Artesão de Versos
O poeta a traduzir e inventar temas tão marcantes diante dos nossos olhos! Rendo-me a tua escrita, meu nobre amigo. Abraços poéticos!!!


Enviado por Tópico
ZESILVEIRADOBRASIL
Publicado: 16/09/2021 20:14  Atualizado: 16/09/2021 20:14
Membro de honra
Usuário desde: 22/11/2018
Localidade: RIO - Brasil
Mensagens: 757
 Re: O Artesão de Versos
.
Nesse trato artesanal alforria os sonhos aprisionados nas mentes

...o poema nos faz perceber que desde tenra idade o poeta é um artífice das palavras... Poetar para ele não é só libertar sonhos, criar estória, pôr nas entrelinhas surpresas que só o olhar aguçado e lupado capaz de desvendar a beleza bordada na moldura da poesia. Esse é seu lance! Faz u'a música para que cada um dance mesmo não se sabendo dançar. Pura magia!
Ousei adentrar!
Meu abraço caRIOca!