Poemas : 

ele há

 
Tags:  tempos infindos  
 


abraços que são vontades
outros que são despedidas sem que o saibamos.

e que dizer dos olhares que são abraços
que deixam rasto para a vida

intensos
viram-nos a alma do avesso
descobrem-nos e guardam-nos
no sangue

[e nunca mais sentimos a solidão]



 
Autor
Almamater
Autor
 
Texto
Data
Leituras
134
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
2
2
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 16/04/2024 20:04  Atualizado: 16/04/2024 20:04
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 10532
 Re: ele há
Escreves com o cristalino da alma posto na poesia. encanta-me ler-te!

Boa semana bj.